Atores e dramaturgos periféricos são destaque no festival de teatro online da Trupe Investigativa Arroto Cênico

Nesta última sexta-feira, 15, teve início a primeira edição do Festival Sonoridades Cênicas – Novas Dramaturgias que ocorrerá até o dia a 24 de outubro. O projeto é promovido pela Trupe Investigativa Arroto Cênico, nele estão sendo realizadas leituras dramáticas em formato de Podcast com oitos cenas curtas escritas e interpretadas por atores da Baixada Fluminense do Rio de Janeiro. A mostra é digital e as apresentações estarão disponíveis nas redes sociais da companhia patrocinadora do evento.

Série Grandes Atrizes: Cacilda Becker

O festival têm como principal objetivo dar destaque ao trabalho de escrita e atuação de escritores periféricos, além de divulgar o trabalho artístico feminino: a edição conta com um expressivo número de mulheres inscritas.

“Em todas as funções, os homens sempre foram o foco. Seja como escritores, cantores, atores, poetas. Nesse caso, todo e qualquer lugar onde nós, mulheres, pudermos nos fazer presentes, é de extrema importância e de uma grande reparação histórica. Saber que não nos ‘silenciaram’  mais uma vez, é entender que existe cuidado e bom senso nas análises dos textos” destaca Nilda Andrade, autora do texto “O homem Sardinha” junto a Rohan Baruck.

Curso grátis de circo para artistas LGBTQIA+: faça sua inscrição!

O evento terá a ilustre participação de Letícia Soares como responsável pelo solo em  “Candelária” de Karla Muniz. A artista foi destaque pelo seu desempenho como protagonista do musical “A Cor Púrpura” e venceu alguns dos maiores prêmios do circuito teatral carioca, como APTR e Cesgranrio. Segundo ela, o festival é uma grande oportunidade de encontrar novos pares e contar novas histórias, além de criar pontes e laços nesse momento de separação ocasionado pela pandemia, em que muitas vezes os artistas não conseguem colocar seus trabalhos em circulação.

O festival também promove entrevistas com os dramaturgos e atores participantes, possibilitando ao público uma visão mais ampla do processo de criação artística das cenas. No encerramento no evento serão exibidas em vídeo as cenas filmadas no Complexo Cultural Nova Iguaçu e dirigidas pelos próprios atores. Além disso, ocorrerá uma oficina gratuita ministrada pelo escritor Alexandre Damascena.

Processo seletivo curso técnico: SP Escola de Teatro abre seleção para 80 vagas

Ao final das exibições, será homenageado o dramaturgo Ileci Antônio Ramos Filho que nomeia o troféu oferecido a todos participantes. Popularmente conhecido como Sizinho, além de dramaturgo foi diretor de teatro, músico, poeta, pintor e um grande articulador cultural da Baixada Fluminense durantes os anos 1980 e 1990. Será exibido como tributo a sua memória um documentário sobre a trajetória artística do autor e dos demais homenageados: Anna Márcia Mixo, José de Brito e Marcelo Borghí, todos importantes artistas de teatro da região.

Este projeto foi fomentado pelo Edital Fomenta Festival RJ e apoio do Governo Federal, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, pela Lei Aldir Blanc. A Trupe Investigativa Arroto Cênico é uma companhia de teatro da cidade de Nova Iguaçu no RJ e realiza o evento em parceria com a Floriano Artes e Produções Culturais, o Burburinho Cultural e a Vibe Agency.

 

 

 

 

 

 




Posts Archives

Atores e dramaturgos periféricos são destaque no festival de teatro online da Trupe Investigativa Arroto Cênico

Posted on

Nesta última sexta-feira, 15, teve início a primeira edição do Festival Sonoridades Cênicas – Novas Dramaturgias que ocorrerá até o dia a 24 de…

Read more