Curso grátis de circo para artistas LGBTQIA+: faça sua inscrição!

Publicado em: 15/10/2021

Cia Fundo Mundo de artistas circenses LGBTQIA+: curso gratuito e presencial na SP Escola de Teatro – Foto: Nu Abe/Divulgação

Por Miguel Arcanjo Prado

A comunidade LGBTQIA+ precisa estar cada vez mais presente em todos os setores da sociedade. E o mundo do circo também é um deles. Pensando nisso, a SP Escola de Teatro convidou artistas da Cia. Fundo Mondo, especializada em representatividade trans no mundo circense, a ministrar o curso presencial Laboratório de Criação Circense para Artistas LGBTQIA+ na sede Brás (av. Rangel Pestana, 2401, Metrô e CPTM Brás). As aulas serão de 8 de novembro a 1º de dezembro de 2021, às segundas, quartas e sextas-feiras, das 15h às 17h, respeitando todos os protocolos. As vagas estão abertas até 28 de outubro. Faça sua inscrição!

O objetivo do laboratório é contribuir, orientar e fornecer ferramentas para a criação, desenvolvimento e finalização de números circenses proposto por pessoas LGBTQIA+. A meta é que cada participante termine a experiência com ao menos um número circense finalizado e possível de ser apresentado em espetáculos, eventos e festivais. Ao final do Laboratório, será realizada uma Mostra aberta ao público em parceria com a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro.

Faça sua inscrição!

Lui Castanho é formado na Escola de Palhaços do Circo da Dona Bilica (Florianópolis), através do prêmio Carequinha de Estímulo ao Circo, FUNARTE/2015; no Profissionalizante de Atuação na Escola Aktoro (Florianópolis, 2019); e em Técnica Meisner/Mammet na EICTV (Cuba, 2017). Foi professor de acrobacias aéreas de 2016 a 2019 na Casa do Palhaço (Florianópolis) e integra o núcleo gestor do Encuentro Latinoamericano de Circo LGBTIA+ desde a 1ª edição, em 2019.

 

Juno Nedel é um artista circense, jornalista e pesquisador transmasculino. Dedica-se aos aparelhos aéreos, à pirotecnia e à palhaçaria. Teve formação em palhaçaria com Pepe Nuñez (Florianópolis, 2019) e integrou o Grupo de Estudos Dramaturgia – Mulheres na Palhaçaria, organizado por Karla Concá e Ana Borges (2020). Mestre em História pela UFSC, é autor de “Desvairadas: Histórias de pessoas LGBT em Florianópolis, capital de Santa Catarina” (UFSC, 2014).

 

Noam Scapin é artista cênico e circense na área de acrobacia aérea e palhaçaria. Sua formação conta com oficinas com Pepe Nuñez, Silvia Leblon, Karla Concá, Vanderléia Will e Antônia Vilarinho. Além do trabalho com a Cia Fundo Mundo, desenvolve seu trabalho solo, com o qual tem circulado por festivais como: 19ª e 20ª Convenções Brasileiras de Malabarismo e Circo e 3ª Convenção de Circo de Florianópolis.

Público: Pessoas LGBTQIA+ interessadas em criar e desenvolver números circenses autorais. Acima de 18 anos. 25 vagas

Seleção: Preencher ficha de inscrição com dados, carta de interesse e breve currículo

Cronograma das inscrições:
Inscrições: 8 a 28 de outubro
Aprovados: 4 de novembro
Matrícula online: 5 de novembro

Faça sua inscrição!

*Miguel Arcanjo Prado é Coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro. Jornalista formado pela UFMG, é especialista em Mídia, Informação e Cultura pela ECA-USP e mestre em Artes pela UNESP. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo de Cultura, além de fazer o Podcast do Arcanjo. @miguel.arcanjo