EN | ES

Biblioteca / SELO LUCIAS

O selo Lucias é uma iniciativa da Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap), organização que rege o projeto da SP Escola de Teatro. Tem como programa editorial a publicação de livros no campo das artes (teatro, dança, cinema e literatura), da pedagogia, das ciências sociais e da psicanálise.

Homenageia, na raiz de seu nome, a professora, jornalista e gestora cultural Lucia Camargo (1944-2020), que foi coordenadora da Escola, e o expande ao plural, pela vocação da Adaap pela coletividade e pelo múltiplo.

O grupo que compõe a coordenação editorial do selo é composto por Ivam Cabral (diretor executivo), Joaquim Gama, Elen Londero e Marcio Aquiles.

 

A DIGNA 10 ANOS

Dez anos de trajetória artística, encontros e emaranhados poéticos pela cidade de São Paulo: em A DIGNA 10 Anos, livro cuja publicação foi viabilizada pela 34ª edição do Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo e conta com a parceria do selo Lucias.

O percurso do coletivo teatral formado por Ana Vitória Bella, Helena Cardoso e Victor Nóvoa é apresentado de modo afetuoso, lúdico e performativo em oito cadernos que contam os processos artísticos, os espetáculos e as vivências d’A Digna numa narrativa mais rizomática que linear.

Acesse o livro em sua versão em PDF A Digna 10 anos

PRÊMIO SOLANO TRINDADE – Coletânea jovens dramaturgos negros 2020

O Prêmio Solano Trindade é uma homenagem ao ator, diretor, cineasta, escritor e militante pernambucano Francisco Solano Trindade (1908-1974), em cuja obra fez marcantes denúncias contra o racismo e o preconceito no Brasil. Através de edital, são selecionadas três dramaturgias inéditas, de autoras e autores negras e negros.

Da primeira edição resultou a publicação das três dramaturgias: “Guerras Urbanas”, de Camila de Oliveira Farias, do Rio de Janeiro, “Como Criar para um Corpo Negro sem Órgãos?”, de Lucas Moura, de São Paulo, e “Medeia Homem”, de Robinson Oliveira, do Rio Grande do Sul.

A Comissão de seleção foi formada pela dramaturga e diretora Luh Maza, o bibliotecário Ueliton Alves, o jornalista Miguel Arcanjo Prado e a coordenadora de Dramaturgia da Escola, Marici Salomão, além do diretor executivo da SP Escola de Teatro, Ivam Cabral.

Acesse o livro em sua versão em PDF Prêmio Solano Trindade 2020


TEATRO DE GRUPO

A publicação é um registro histórico com textos de 194 coletivos da Grande São Paulo, falando sobre seus repertórios, processos criativos, métodos de trabalho, parcerias mais comuns e a função do teatro.

O projeto ainda conta com análises sobre o fenômeno do teatro de grupo escritos por 16 especialistas, dentre os quais historiadores, pesquisadores, críticos de teatro e artistas. A organização é realizada por Marcio Aquiles (Relações Internacionais) e pelo pesquisador Alexandre Mate. Participaram do processo Elen Londero (Projetos Especiais), Ivam Cabral (Diretor Executivo) e Joaquim Gama (Coordenador Pedagógico). Essa é uma ação da Adaap em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura.

Acesse o livro em sua versão em PDF Teatro de Grupo

PROJETO ESTAÇÃO SP – Pedagogias da Experiência

Este livro foi feito a partir de pesquisa realizada pela Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap) na preparação, formatação e experiência prática de um curso de formação com uso da linguagem teatral para professores do Centro Paula Souza, percorrendo 15 polos no Estado de São Paulo. A pesquisa centrou seus estudos a partir da metodologia e pressupostos pedagógicos trabalhados na SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco os quais são pautados na experiência como caminhos para o saber e suas conexões.

Acesse o livro em sua versão em PDF Estação SP - Pedagogias da Experiência