Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.
Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.
EN | ES

Janeiro Brasileiro da Comédia (JBC) oferece workshops, oficinas e palestras gratuitas sobre comédia e palhaçaria entre 19 e 27 de março; confira!

Teatro Municipal Paulo Moura onde será realizado o evento. Foto: Prefeitura Municipal São José do Rio Preto.

A Secretaria Municipal de Cultura de São José do Rio Preto abriu inscrições para as ações formativas (palestras, workshops e masterclasses) do Janeiro Brasileiro da Comédia 2022 (JBC). Os cursos ocorrem como parte da programação do evento que também promove 13 espetáculos especiais e acontecem entre os dias 19 e 27 de março, em São José do Rio Preto, interior de São Paulo. Para participar basta se inscrever no link, já a entrada para as peças é gratuita, os ingressos serão disponibilizados 1h antes do início das apresentações.

Nova turma de estudantes da Escola Estadual Padre Anchieta visita o prédio histórico da SP Escola de Teatro no Brás

Em sua 19ª edição e após um ano sem realização por conta da pandemia de COVID-19, o evento comemora sua volta presencial, trazendo o melhor da arte teatral nacional de comédia e humor. A iniciativa visa despertar uma reflexão a respeito do papel do humor nas artes cênicas; são propostas atividades diversas voltadas para artistas profissionais e amadores.

Vão acontecer nove workshops com profissionais que atuam nos espetáculos que serão apresentados no evento. O JBC ainda conta com uma importante Masterclass ministrada por Hugo Possolo, coordenador do curso de atuação da SP Escola de Teatro. O tema do minicurso é “Palhaçaria Contemporânea”, e acontecerá nos dias 25 e 26 de março, das 14h às 18h, na Casa de Cultura Dinorath do Valle. Serão pautados os atuais desafios da arte da palhaçaria, passando por seus gêneros e sua história, numa abordagem teórica, mas que também inclui exercícios práticos. Dos recursos clássicos às tendências e vertentes contemporâneas, é trabalhada a visão crítica da arte de fazer rir, de origem no grotesco e que se pauta na ingenuidade de seu arquétipo, para inserir sua função social no mundo contemporâneo. Enfim, de como uma arte historicamente caracterizada por sua base medieval e depois pelo classicismo pode estar inserida e se confrontar com o contexto da arte produzida no século XXI.

Estudantes da Escola Estadual Padre Anchieta visitam o prédio histórico da SP Escola de Teatro no Brás

Além disso, ao final de cada apresentação teatral acontecerão debates que versam sobre temas variados. As inscrições e a programação completa do evento podem ser conferida neste link.  

Excepcionalmente esse ano, o JBC foi transferido de janeiro para março por conta da pandemia, assim o festival também passará a integrar as comemorações de aniversário de São José do Rio Preto.

Hugo Possolo é diretor, dramaturgo, palhaço, ex-diretor artístico do Theatro Municipal de São Paulo, é um dos fundadores do grupo Parlapatões de comédia e da SP Escola de Teatro, além disso também integra a Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap), idealizadora e gestora do projeto da instituição.




Posts Archives

Janeiro Brasileiro da Comédia (JBC) oferece workshops, oficinas e palestras gratuitas sobre comédia e palhaçaria entre 19 e 27 de março; confira!

Posted on

A Secretaria Municipal de Cultura de São José do Rio Preto abriu inscrições para as ações formativas (palestras, workshops e masterclasses) do Janeiro Brasileiro…

Read more

Grupo de estudantes da SP encena peça sobre a importância das memórias na sociedade digital

Posted on

Juliana Carolina, estudante de atuação da SP Escola de Teatro, em parceria com outros alunos, artistas e técnicos desenvolveram uma peça digital que foi…

Read more