Um Brinde ao Tuov

Publicado em: 01/12/2011

Convite à festa de 45 anos do Tuov (Foto: Divulgação)

 

Um dos primeiros grupos de teatro não profissional do Brasil completa, neste sábado (3), 45 anos; é o Teatro Popular União e Olho Vivo (Tuov). Em comemoração a este marco de resistência cultural, haverá uma festa, em sua própria sede, no bairro do Bom Retiro, região central de São Paulo.

 

A partir das 17h, o público poderá conhecer um pouco mais da história desta companhia que se diferenciou por levar arte às populações mais pobres da Cidade. Além disso, será possível conferir uma exposição sobre o processo de criação da nova peça “A Cobra Vai Fumar – A Verdadeira Estória da FEB”. 

 

Lá, os interessados também poderão ver uma exposição de projetos de construção da nova sede do grupo. A programação conta, ainda, com apresentações musicais às 18h30, realizada pelo próprio Tuov, e às 19h30, feita pelo grupo Gres – Samba do Bule. Às 22h, haverá uma roda de samba.

 

 

Como Tudo Começou

 

Durante a ditadura militar (1964-1985), o Brasil vivia uma época de muitas resistências e censuras. A liberdade de protestar era quase nula e isso afetava, especialmente, a arte. Músicas, filmes, peças e diversas outras manifestações artísticas eram severamente observadas e, na maioria das vezes, proibidas de serem veiculadas.

 

Em meio a esse período conturbado e de descontentamento geral da população, surgia o Teatro Popular União e Olho Vivo, que, por meio da arte, promovia uma verdadeira revolução. Em tempos no qual fazer teatro para a periferia era mal visto, o dramaturgo César Vieira, pseudônimo do renomado advogado Idibal Pivetta, resolve levar ao palco do Teatro Casarão o espetáculo “Corinthians Meu Amor” (1969), que foi sucesso de público e crítica. O sucesso foi tanto que a peça foi apresentada em praças, igrejas e outros espaços culturais da periferia.

 

O grupo é considerado um dos mais importantes em atividade no país e teve papel pioneiro no teatro amador, fazendo o que poucos se dispunham a fazer: levar o teatro, considerado até então um privilégio de poucos, para bairros de classe baixa, longes do centro.

 

 

Serviço

Festa em comemoração aos 45 anos do Teatro Popular União e Olho Vivo

Quando: Sábado (3/12), às 17h

Onde: Teatro Popular União e Olho Vivo

Rua Newton Prado, 766 – Bom Retiro, São Paulo

Tel.: (11) 3331-1001

Entrada Franca

Informações: teatropopularolhovivo@uol.com.br

 

 

Texto: Jéssika Lopes

Relacionadas:

Uncategorised | 16/ 12/ 2021

16 de dezembro é dia do Teatro Amador: Conheça mais sobre essa importante prática cultural brasileira!

SAIBA MAIS

Notícias | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Notícias | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS