Adaap recebe Selo Igualdade Racial da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania

Ivam Cabral, Cibele Custódio e Miguel Arcanjo Prado. Foto: Bruno Poletti/Adaap

A Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap), organização social que administra a SP Escola de Teatro, recebeu nesta segunda (22), o Selo Igualdade Racial da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania.

O Selo certifica instituições privadas que têm no quadro de profissionais ao menos 20% de pessoas negras em diferentes níveis hierárquicos e funções.

Estiveram presentes no evento representando a instituição Ivam Cabral, Miguel Arcanjo Prado e Cibele Custódio, respectivamente diretor executivo, coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais e secretária executiva da SP Escola de Teatro.

“É emblemático ver os colaboradores da Adaap Cibele Custódio e Miguel Arcanjo Prado representando nossa Adaap, Associação dos Artistas Amigos da Praça, recebendo o Selo de Igualdade Racial na I Expo Internacional Dia da Consciência Negra. As instituições brasileiras ainda têm um longo caminho de aprendizado quando o tema é pluralidade étnica. O surgimento deste selo para empresas e instituições se comprometem com esta causa é um marco que estimula a sociedade na construção de uma sociedade mais igualitária”, diz Ivam Cabral, diretor executivo da Adaap, que gere a SP Escola de Teatro, ligada à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

“Estou há um ano como colaborador da Adaap, em cargo de coordenação, no qual me foi dada total liberdade de trabalho e constante apoio de uma direção que valoriza os talentos das diversidades. Nos últimos anos, começamos a ver o princípio de alguma mudança em nossa sociedade, ao ver negros crescendo em empresas e instituições. É necessário que as equipes sejam cada vez mais representativas dos grupos étnicos que compõem a sociedade brasileira. Os profissionais negros e indígenas só precisam de oportunidade para mostrarem seu talento, sua competência e seu comprometimento”, diz Miguel Arcanjo Prado, coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro.

A cerimônia, que aconteceu no palco principal da I Expo Internacional da Consciência Negra, no Anhembi, marca o ápice de um longo processo de incentivo e promoção à igualdade de oportunidades no mercado de trabalho.

O Programa Selo Igualdade Racial foi instituído por lei municipal em dezembro de 2015, regulamentado dois anos depois, e este ano recebeu 41 inscrições de empresas e organizações interessadas em obter a distinção conferida pelo Selo. Após uma minuciosa análise do Comitê de Ações Afirmativas de Promoção da Igualdade Étnico-Racial, 30 destas propostas foram consideradas em total conformidade com as normas e, portanto, merecedoras do Selo municipal de Igualdade Racial.

O objetivo do Selo é incentivar as empresas e organizações privadas a adotarem políticas afirmativas no âmbito do trabalho que permitam promover a igualdade étnico-racial em termos de oportunidades materiais, mitigar e eliminar gradualmente os atos discriminatórios como uma forma de reparação de injustiças historicamente cometidas contra a população negra.

“O Selo de Igualdade Racial é mais um reconhecimento importante do poder público às instituições que buscam dentro de suas atividades diminuir a discriminação racial. Precisamos de um mercado de trabalho mais diverso e mais igualitário nas oportunidades”, afirmou a secretária executiva adjunta de Promoção da Igualdade Racial, Elisa Lucas Rodrigues.


Confira a lista de entidades habilitadas para recebimento ao Selo Igualdade Racial:

99 Jobs Desenvolvimento humano LTDA

Alicerce Educacional LTDA.

AMIL Assistência Médica Internacional S.A

Associação Ago Lonã

Associação Aristocrata Clube

Associação Beneficente Educacional e Cultural Ile Ase Iyalode Oyo

Associação Beneficente Luz da Sabedoria

Associação dos Artistas Amigos da Praça (ADAAP)

Associação Franciscana de Solidariedade

Associação Lyra

Associação Pró-Falcêmicos – APROFe

Associação Projeto Nacional de Ensino – PRONACE

Casa de Marias

CAMP – Centro de aprendizagem e melhoramento profissional

Coletivo Meninas Mahin

Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Mun. de São Paulo – Prodam-SP

Grêmio Recreativo Cultural Social Escola de Samba Unidos de Vila Maria

Grupo de assistência ao tratamento e hospedagem infantil – Grathi

Instituto Akhanda

Instituto Ativamente Juventude Negra

Instituto Consulado da Mulher

Laboratório Fantasma Produções

Minuto Consultoria

Oliver Press Comunicação Integrada

PepsiCo do Brasil Ltda

Rede despertar sonhos

São Paulo Parcerias S.A.

Unimais Vestibulares

Vetor Brasil

VM Rede de comunicações




Posts Archives

Adaap recebe Selo Igualdade Racial da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania

Posted on

A Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap), organização social que administra a SP Escola de Teatro, recebeu nesta segunda (22), o Selo Igualdade…

Read more