Zimba, do diretor Joel Pizzini, revive Ziembinski, um dos grandes nomes da arte cênica nacional

Estreia nesta quinta-feira, 30, o filme Zimba, dirigido por Joel Pizzini, cineasta e um dos mais premiados documentaristas do país. A obra mergulha na carreira do ator e diretor de teatro Ziembinski e celebra a arte e o ideário do primeiro encenador “brasileiro”, criador do teatro moderno e inovador da televisão latino-americana.

O filme conta a trajetória do artista, que ao denunciar o nazismo com a peça Genebra, de Bernard Shaw, é obrigado a abandonar a Polônia.  Em sua fuga, chega por acaso no desconhecido Brasil, onde se encontra com Nelson Rodrigues e monta a primeira versão de Vestido de Noiva, em 1943, que revoluciona as artes cênicas no país.

Patrimônio cultural

Montado a partir do acervo das mais importantes instituições culturais do país como a Cinemateca Brasileira, TV Cultura, EBC, Arquivo Nacional, CTAv, Funarte, Cinemateca do MAM-RJ, Filmoteca Polonesa, INA , o filme é narrado em primeira pessoa e conta com as participações de grandes nomes da  cultura, como Nathalia Timberg, Camilla Amado e Nicette Bruno, em uma das suas últimas participações no audiovisual.

Equipe

A produção conta com a idealização de Urszula Groska, roteiro de Joel Pizzini, Henry Grazinoli (Um Novo Capitalismo, Danado de Bom) e Reinaldo Mesquita (colaborador nas peças Vestido de Noiva dir. Eduardo Tolentino, A Terra Prometida, de Samir Yasbeck), pesquisa de imagens de Antônio Venâncio (Dossiê Jango, Senna, Cássia Eller, Chico: Artista Brasileiro), e consultoria de Aleksandra Pluta (autora polonesa da biografia de Ziembinski).

Zimba

Zbigniew Ziembinski (1908 – 1978) Zimba nasce em meio aos horrores da primeira guerra mundial. Aos 6 anos de idade assiste a uma cena que marca sua vida para sempre: na sombria mina de sal subterrânea de Wielisczka, seu pai cuidava de corpos feridos, mutilados e mortos em combate. Anos mais tarde dirige uma peça satirizando Hitler, os atores da peça são presos e Ziembinski foge para o Brasil.

 




Posts Archives

Zimba, do diretor Joel Pizzini, revive Ziembinski, um dos grandes nomes da arte cênica nacional

Posted on

Estreia nesta quinta-feira, 30, o filme Zimba, dirigido por Joel Pizzini, cineasta e um dos mais premiados documentaristas do país. A obra mergulha na…

Read more

Palestra digital celebra os 80 anos de Ney Matogrosso e o doc Olho Nu, sobre a vida do artista

Posted on

O Cineclube Macunaíma promove nesta terça-feira, 10, às 19:30h, um debate digital em celebração aos 80 anos do cantor Ney Matogrosso, a partir da…

Read more

Mesa de discussão: Emilie Sugai, Lee Taylor e Joel Pizzini falam do processo de criação do espetáculo Aka

Posted on

A SP Escola de Teatro promove nesta quinta-feira, 4, às 16h, uma live-seminário sobre o espetáculo de dança Aka, protagonizado pela performer Emilie Sugai,…

Read more