“Subterrâneo”, de Heloísa Cardoso, no SP Dramaturgias

Publicado em: 04/06/2013

Cena da primeira leitura deste ano, “Nomes, Verbos e Objetos”, com José Motta e Fernanda Otaviano (Fotos: SP Escola de Teatro/Arquivo) 

 

Hoje (4) é noite de mais uma edição do SP Dramaturgias, projeto de leituras dramáticas de textos contemporâneos e inéditos, inaugurado em junho de 2012 pela SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco.

Com entrada gratuita e aberto ao público, o projeto apresenta, em sua segunda leitura do ano, o texto “Subterrâneo”, de autoria da aprendiz de Dramaturgia Heloísa Cardoso, baseado em “Notas de Subsolo”, de Fiódor Dostoiévski, sobre o qual ela vem trabalhando desde o ano passado.

Nas últimas semanas, um grupo de aprendizes tem se reunido para  sugerir caminhos e propor soluções à encenação. No enredo, um homem isolado, em algum lugar subterrâneo, revela tudo o que faz com que ele permaneça inerte diante de uma cidade em constante movimento. A partir dessas revelações, o homem se perde em lembranças de suas tentativas de adequação e se dilui como sujeito: o seu discurso se estilhaça e sua fala é atravessada por vozes do ressentimento. As lembranças são também pesadelos e os pesadelos são realidade.

O SP Dramaturgias tem supervisão da coordenadora do curso de Dramaturgia, Marici Salomão. A orientação está a cargo de Maria Shu, aprendiz que concluiu o ciclo de quatro módulos de Dramaturgia, em 2011, e que, entre outras obras, assina “Cabaret Stravaganza”, do repertório do grupo de teatro Os Satyros. Entre os aprendizes que participarão da empreitada de hoje à noite, estão, além de Heloísa Cardoso, na dramaturgia; Talita Rosa, na direção. No elenco, Zé Motta, Fernanda Otaviano, Bruna de Moraes e Marcelo Oriani. A iluminação é de Leandra Demarchi e Adriana Marques; a sonoplastia, de Carlos Ronchi. Agradecimentos especiais aos aprendizes André Mendes, Douglas Lima, Robson Salvador, Alexandre Gnniper e Lucas Iglesias que, embora não estejam em cena, fazem parte do grupo e de todo processo.

Sobre o SP Dramaturgias
No SP Dramaturgias, são realizadas leituras mensais de textos dramáticos. Esses textos também podem ser de autores que não façam parte da Escola, contanto que sejam inéditos. A seleção das obras a serem lidas se pauta em critérios artísticos (além de inéditos, textos que dialoguem com questões da contemporaneidade, quer na forma, quer no conteúdo) e pedagógicos (a partir de demandas e questões oriundas do trabalho desenvolvido entre formadores e aprendizes na Escola). Os interessados em participar devem enviar seus textos para o e-mail: spdramaturgias@spescoladeteatro.org.br. Os selecionados serão lidos por aprendizes e formadores da Instituição.

Serviço:
SP Dramaturgias: “Subterrâneo”

Quando: Terça-feira (4), às 19h30
Onde: SP Escola de Teatro – Sede Roosevelt
Praça Roosevelt, 210 – Consolação
Tel. (11) 3775-8600
Grátis e aberto ao público

 

 

Texto: Esther Chaya Levenstein

Relacionadas:

Notícias | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Notícias | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS

Uncategorised | 01/ 10/ 2021

Festival Satyricine Bijou anuncia vencedores da mostra competitiva e homenageia a atriz e cineasta Helena Ignez

SAIBA MAIS