SP Escola de Teatro concretiza parceria com a Semana de Ação Mundial, que busca melhorias na educação

Publicado em: 05/09/2014

A SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco tornou-se parceira da 12ª Semana de Ação Mundial (SAM 2014), que neste ano acontece em todo o Brasil, de 21 a 27 de setembro, com o tema “Direito à educação inclusiva – Por um escola e um mundo para todos”.

 

A Semana é uma iniciativa da CGE (Campanha Global pela Educação), que desde 2003 é realizada simultaneamente em mais de 100 países. O objetivo é envolver a sociedade civil em ações de incidência política, de modo a exercer pressão sobre os governos para que cumpram os acordos internacionais da área, entre eles o Programa Educação para Todos (Unesco, 2000). No Brasil, a SAM é coordenada pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação, em parceria com outros movimentos, organizações e redes.

 

Concretizando a parceria, a Escola recebeu nesta quarta-feira (3), em sua Sede Roosevelt, o evento de pré-lançamento da SAM 2014, com debates, exibições de vídeos e outras atividades voltadas aos envolvidos nas ações, que cobram educação inclusiva de qualidade.

 

Participaram do debate Iracema Nascimento, coordenadora executiva da Campanha Nacional pelo Direito à Educação; Martinha Clarete Dutra dos Santos, diretora de Políticas de Educação Especial da Secadi/MEC (Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão do Ministério da Educação); Pilar Lacerda, diretora da Fundação SM e ex-secretária de educação básica do MEC; Rodrigo Mendes, diretor do Instituto Rodrigo Mendes, e Wagner Santana, coordenador de educação da ONG Mais Diferenças.

 

Pré-lançamento da SAM 2014 na SP Escola de Teatro (Foto: Cristiane Camelo)

 

“Foi uma grata surpresa a aproximação da SP Escola de Teatro nesta edição, porque, embora o tema seja educação inclusiva, o acesso a todos os tipos de espaços e à cultura é um dos aspectos mais importantes da SAM. A parceria reforça esse pensamento e dá outra abrangência à Campanha. O fato de o evento ter sido realizado no espaço da Escola também contribuiu para que a discussão atingisse outros públicos. Espero continuarmos juntos nessas ações”, diz Iracema Nascimento, coordenadora executiva da Campanha Nacional pelo Direito à Educação.

 

Segundo levantamento do Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2010, 8,3% da população brasileira possui pelo menos um tipo de deficiência severa. Em relação ao nível de instrução de pessoas com mais de 15 anos: entre a população com deficiência, 14,2% possuíam o fundamental completo; 17,7%, terminaram o médio, e apenas 6,7% concluíram o superior. E mais: 61% das pessoas com deficiência ainda se encontravam sem instrução ou sem o ensino fundamental completo.

 

Com início exatamente no Dia de Luta pelos Direitos da Pessoa com Deficiência, em 21 de setembro, a Semana luta pela garantia dos direitos dessas pessoas, previstos no artigo 4º do Plano Nacional de Educação (PNE), que trata especificamente da educação inclusiva. Para consolidar o debate, a Campanha Nacional está articulada com organizações e movimentos que já trabalham com a temática. Além desses contatos mantidos pela rede, a SAM convoca todos os interessados no tema a participarem das atividades e difundirem em suas cidades e estados as ideias defendidas pela campanha.

 

Cléo De Páris, coordenadora do Programa Kairós da Escola, também vê com bons olhos a parceria. “A SP Escola de Teatro é uma instituição atenta aos problemas da educação e da acessibilidade. Nosso modelo pedagógico, nossas premissas, nossa forma de tratar das questões educacionais são sempre apoiadas em conceitos humanitários. Fazer parte dessa rede, entender os caminhos possíveis e os já trilhados para alcançar conquistas que nos são tão caras é muito importante para nós; espero que a parceria perdure e nos traga a oportunidade de contribuir para um mundo mais justo”, afirma.

 

De acordo com Iracema Nascimento, a expectativa para esta edição é alta, especialmente por conta do aumento na procura pelos materiais desenvolvidos pela SAM: “Enviamos nossos materiais para um total de 2.221 destinatários de todo o Brasil. Torcemos que a discussão vá para todos os cantos do País e que as pessoas realmente se apropriem dessa causa em seus lugares.”

 

Para saber mais sobre a SAM 2014, acesse o site oficial do projeto.

 

Texto: Felipe Del

Relacionadas:

Uncategorised | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Uncategorised | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS

Uncategorised | 01/ 10/ 2021

Festival Satyricine Bijou anuncia vencedores da mostra competitiva e homenageia a atriz e cineasta Helena Ignez

SAIBA MAIS