Ponto | A companhia teatral mais antiga do mundo

Publicado em: 25/02/2014

333 anos, mais de 3 mil peças no repertório e uma bagagem única na história do teatro. Essa é a trajetória da Comédie-Française, de Paris, considerada a companhia teatral mais antiga do mundo.

 

Fundada em 21 de outubro de 1680 por decreto do rei Luís XIV, o grupo possui um elenco permanente de atores e faz turnês internacionais desde 1869. Desde então, já levou seu trabalho para mais de 80 países. Em 2013, a trupe festejou seu 333º aniversário no Brasil, apresentando a comédia “O jogo do amor e do acaso” no Rio de Janeiro e em São Paulo. Antes disso, veio ao País outras duas vezes, em 1986 e 2000.

 

Liderada desde 2006 por Muriel Mayette, a companhia, que é estatal, une-se sob o lema “Simul e singulis” (“todo e cada um em particular”) e cravou sua sede no coração de Paris. 

 

Sede do grupo na Rue de Richelieu

 

A criação da Comédie-Française (Comédia Francesa) às vezes é atribuída a Molière, um dos maiores dramaturgos franceses de todos os tempos e patrono dos atores de seu país. No entanto, na época da fundação – quando Luís XIV ordenou que as duas trupes de comédia sediadas em Paris passassem a trabalhar juntas – ele já havia morrido há cerca de sete anos.

 

Com o decreto, a companhia do Hôtel Guénégaud e a do Hôtel de Bourgogne começaram a nova empreitada. Em poucos meses, a primeira peça já era encenada. O repertório inicial era composto por peças de autores como Molière, Jean Racine, Pierre Corneille, Paul Scarron e Jean de Rotrou.

 

Desde 1799, a trupe está instalada na Rue de Richelieu e abriu outros dois espaços, o Théâtre du Vieux Colombier e o Studio Théâtre.

 

Atualmente, cerca de 400 profissionais permanentes formam o grupo, sendo quase 60 deles atores. Há, ainda, atores societários. Entre eles, nomes conhecidos como Denis Podalydès, Laurent Stocker e Guillaume Gallienne.

 

Eis uma breve história da companhia teatral mais antiga do mundo em plena atividade, com mais de 34 mil apresentações. Na Comédie-Française, a palavra “tradição” parece encontrar seu verdadeiro significado.

 

 

Texto: Felipe Del

Relacionadas:

Ponto | 14/ 07/ 2015

Ponto | Regras para montar um currículo de ator

SAIBA MAIS

Ponto | 30/ 06/ 2015

Ponto | O nu coletivo no teatro brasileiro

SAIBA MAIS

Ponto | 23/ 06/ 2015

Ponto | Pequena biblioteca para atores

SAIBA MAIS