Peça inspirada em contos de Mia Couto volta a São Paulo

Publicado em: 17/04/2014

Obras de Mia Couto, renomado biólogo e escritor moçambicano que esteve na SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco nesta semana, inspiram o espetáculo “Ninguém no plural”, da companhia As de Fora, em cartaz no Teatro Pequeno Ato até 11 de maio.

 

A peça é uma adaptação de quatro contos do vencedor do Prêmio Camões 2013 – “A despedideira”, “O cesto”, “Os olhos dos mortos” e “Meia culpa, meia própria culpa”. Em cena, as atrizes Anna Zêpa e Tânia Reis vivem quatro mulheres marcadas pela falta de seus homens (vividos por Kuarahy Fellipe), que ainda assim têm forte presença na trama.

 

Mia Couto visitou a SP Escola de Teatro nesta semana (Foto: Arquivo SP Escola de Teatro)

 

Cada uma delas vive em um universo particular, com peculiaridades que determinam suas existências. No entanto, o imprevisível surge do encontro entre esses mundos, trazendo novos elementos à história.

 

A peça tem sessões às sextas e sábados, às 21h30, e aos domingos, às 19h30. Os ingressos custam até R$ 15. 

 

“Ninguém no plural”

Quando: Sextas e sábados, às 21h30; domingos, às 19h30 (até 11 de maio)

Onde: Teatro Pequeno Ato

Rua Doutor Teodoro Baima, 78 – República

Tel.: (11) 9 9642 8350

Ingresso: Até R$ 15

 

Texto: Felipe Del

Relacionadas:

Uncategorised | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Uncategorised | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS

Uncategorised | 01/ 10/ 2021

Festival Satyricine Bijou anuncia vencedores da mostra competitiva e homenageia a atriz e cineasta Helena Ignez

SAIBA MAIS