EN | ES

Marcio Aquiles tem novo lançamento do “Memórias do Cine Bijou”, no Espaço Itaú de Cinema

Publicado em: 28/08/2023 | por: Guilherme Dearo

Marcio Aquiles, autor do livro "Memórias do Cine Bijou": lançamento em 15 de julho de 2023 no Cine Satyros Bijou.

Marcio Aquiles, autor do livro “Memórias do Cine Bijou”: lançamento em 15 de julho de 2023 no Cine Satyros Bijou. Agora, novo lançamento no Espaço Itaú de Cinema. | Foto: Ana de Castro/ADAAP

Após o sucesso do lançamento do livro “Memórias do Cine Bijou” em julho, no Cine Satyros Bijou, quando atraiu quase 300 convidados, Marcio Aquiles, coordenador de projetos internacionais da SP Escola de Teatro, faz novo lançamento, dessa vez no Espaço Itaú de Cinema, na Rua Augusta.

O livro foi editado pelo Selo Lucias, projeto editorial da ADAAP e da SP Escola de Teatro.

Aquiles foi convidado para fazer o segundo lançamento durante o 34º Curta Kinoforum. O 34º Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo – Curta Kinoforum é um dos maiores e mais tradicionais eventos dedicados ao formato do curta.

A sessão de autógrafos acontece na quarta-feira, 30 de agosto, às 19h.

Novo lançamento de "Memórias do Cine Bijou", livro de Marcio Aquiles, lançado pelo Selo Lucias.

Novo lançamento de “Memórias do Cine Bijou”, livro de Marcio Aquiles, lançado pelo Selo Lucias. | Foto: Comunicação ADAAP

Sobre o livro

A obra partiu de farta pesquisa documental e conta com entrevistas de artistas, críticos e acadêmicos como Rubens Rewald, Helena Ignez, Marcelo Rubens Paiva, Marília Gabriela, Jefferson Del Rios e Nabil Bonduki. Os depoimentos recuperam o legado do cinema e apontam as perspectivas para o seu futuro.

“O livro materializa histórias do Bijou e também reflexões sobre o cinema, os sistemas de produção e os circuitos de distribuição dos anos 1960 até hoje”, conta o autor. “O Bijou produziu gerações de cinéfilos na cidade de São Paulo. E não só isso, foi ponto de encontro de artistas e pensadores que estavam em formação; portanto, não há dúvidas de que os filmes de arte que lá eram exibidos foram decisivos em seu desenvolvimento intelectual. Além disso, a conjectura política e as facilidades de acesso àquelas obras sofisticadas, questionadoras e, muitas vezes, libertárias, o transformou em ícone de resistência à ditadura militar”, diz.

O Selo Lucias

O selo Lucias é uma iniciativa da Associação dos Artistas Amigos da Praça (ADAAP), organização que rege o projeto da SP Escola de Teatro. Tem como programa editorial a publicação de livros no campo das artes (teatro, dança, cinema e literatura), da pedagogia, das ciências sociais e da psicanálise. Homenageia, na raiz de seu nome, a professora, jornalista e gestora cultural Lucia Camargo (1944-2020), que foi coordenadora da Escola, e o expande ao plural, pela vocação da Adaap pela coletividade e pelo múltiplo. O grupo que compõe a coordenação editorial do selo é composto por Ivam Cabral (diretor executivo), Elen Londero, Beth Lopes e Marcio Aquiles.

+ Itaú Cultural estreia “Sueño”, da Heroica Companhia de Teatro, em 31/8




Relacionadas:

Notícias | 17/ 04/ 2024

Veja como foi a roda de conversa sobre oficinas na Fundação Casa Chiquinha Gonzaga

SAIBA MAIS

Notícias | 17/ 04/ 2024

Veja como foi o curso de extensão “Do circo à capoeira: um fazer brasileiro”

SAIBA MAIS

Notícias | 16/ 04/ 2024

Cursos de extensão de Cinema Queer e Dança são abertos na Unidade Roosevelt

SAIBA MAIS