Ivam Cabral recebe título de doutor pela USP com tese sobre a SP Escola de Teatro

Publicado em: 10/10/2017

Ferdinando Martins, Joaquim Gama, Ivam Cabral, Helena Bastos, Matteo Bonfitto e Maria Thaís. Foto: André Stefano/Divulgação.

O diretor executivo da SP Escola de Teatro, Ivam Cabral, foi titulado doutor em Artes Cênicas pela USP, na última segunda (9). A banca avaliadora concedeu a Cabral o título pela tese “O Importante É [Não] Estar Pronto – Da gênese às dimensões políticas, pedagógicas e artísticas do projeto da SP Escola de Teatro”.

No estudo, ele explica o sistema pedagógico da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, instituição da qual é um dos fundadores. Baseada nas reflexões de três importantes pensadores – os brasileiros Paulo Freire e Milton Santos e o austríaco Fritjof Capra –, a Escola tem um modelo pedagógico não tradicional, que Cabral analisa desde a criação até às dimensões políticas, pedagógicas e artísticas.

Ivam Cabral, que também é ator, dramaturgo, diretor e co-fundador da Cia. de Teatro Os Satyros, foi orientado pela Profª Drª Elisabeth Silva Lopes do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da ECA/USP. Na banca examinadora estiveram presentes as professoras doutoras Maria Thaís e Helena Bastos (presidenta da mesa) e os professores doutores Ferdinando Martins, Joaquim Gama e Matteo Bonfitto.




Relacionadas:

Notícias | 06/ 12/ 2021

Oficina Olhares: “É possível falar de masculinidade e feminilidade sem sermos binários?”, por Manfrin Manfrin

SAIBA MAIS

Notícias | 06/ 12/ 2021

Oficina Olhares: “As cores da foto do menino no poste estão desaparecendo”, por Milena Siqueira

SAIBA MAIS

Notícias | 06/ 12/ 2021

Oficina Olhares: “Se algo de fato existe, ele é feito de carne e sangra”, por Clara Prado

SAIBA MAIS