InDIca | Fotografia

Publicado em: 19/08/2011

Desde que foi criada, a fotografia desempenha um papel de extrema importância na sociedade, não só perpetuando um instante, mas, ainda, servindo de registro artístico e histórico.

 

A fotografia, entretanto, nem sempre teve esse nome. Em 1826, o registro feito a partir de luz chamava-se heliografia (helius: sol + grafia: registro/escrita). Anos mais tarde, passou a ser conhecida como daguerreotipia, graças ao pintor francês Louis Daguerre, que, em 19 de agosto de 1839, divulgou, oficialmente, o daguerreótipo, a primeira máquina fotográfica. E, por ter patenteado sua invenção, foi considerado o “pai da fotografia”.

 

Também em homenagem à fotografia, em junho deste ano, publicamos uma matéria sobre os 104 anos da primeira foto colorida. Era sobre o sistema do autocromo, inventado pelos irmãos Lumière.

 

O teatro, que é conhecido como a arte do efêmero, tem forte ligação com a fotografia, uma vez que é por meio de seu registro que ele existirá para além daquela sessão. Assim, os fotógrafos de cena carregam não só a responsabilidade do registro, mas a possibilidade de perpetuar a transitoriedade desta arte. Em nosso portal, na seção Galeria Virtual, temos a chance de observar o trabalho de alguns desses fotógrafos.  

 

Hoje se comemora o Dia Mundial da Fotografia (19/8) e, para marcar a data, convidamos três profissionais da área para falar sobre foto, além de dar dicas de bons locais para se fotografar em São Paulo e de exposições imperdíveis sobre o tema. São eles: Bob Sousa, Patrícia Cividanes e Lenise Pinheiro.

 

“Fotografia é envolvimento. É estar perto de tudo o que te interessa e poder transformar as coisas por meio de seu olhar”, afirma Bob Sousa, que fotografa espetáculos há quase uma década e elege o Teatro Oficina como alvo favorito para mirar sua lente. “A arquitetura do espaço possibilita capturar diferentes ângulos e é sempre possível interagir com o espetáculo encenado.” 

 

Aos interessados na arte da fotografia, Sousa indica a exposição do fotógrafo americano Steven Klein, no Museu Brasileiro da Escultura (Mube), com 87 imagens que retratam celebridades como Madonna, Justin Timberlake e David Beckham.

 

 

A “profissional das imagens”, como prefere ser chamada Patrícia Cividanes, é chefe de arte da revista Hola! Brasil e responsável por toda a identidade visual da Cia. de Teatro Antro Exposto, dirigida por Ruy Filho. 

 

Em seu trabalho, o foco principal é a imagem em si, e não a fotografia. “Novos tempos também podem trazer novos significados ao fazer fotográfico.” Patrícia revela que paisagens e arquiteturas não chamam sua atenção quando está em atividade, apesar de admirar fotos que as retratem e de ser apaixonada pelo ‘cenário’ São Paulo. “No mundo real, um bom lugar para se encontrar com a fotografia contemporânea na cidade é a Galeria Vermelho, no bairro Consolação. E, no mundo digital, o site www.iconica.com.br. É diversão garantida!”

 

Depois de desistir da faculdade de Arquitetura, em 1980, Lenise se jogou de corpo e alma no mundo da fotografia. Acompanhou e documentou produções de nomes como Zé Celso, Ulysses Cruz, Antunes Filho e outros. 

 

Mas nem só o palco atiça o olhar de Lenise. “Lugares são portas, são mares, montanhas. Lugares são tantos, são tortos, miragens. A cidade de São Paulo, a meu ver, é palco para ensaios inenarráveis.”

 

A Coleção de Fotografia Contemporânea da Telefônica, no Instituto Tomie Othake; a exposição sobre a trajetória de vida do publisher Octavio Frias de Oliveira, no Shopping Vila Olímpia; e, ainda, a mostra “Bom Retiro e Luz: Um Roteiro, 1976-2011”, no Centro da Cultura Judaica, são as sugestões da fotógrafa para quem quer apreciar belas imagens.

 

 

 

Serviço

Exposição “USAnatomy”

Quando: Até 28 de agosto. Terça a domingo, das 10h às 19h

Onde: Mube

Av. Europa, 218 – Jardim Europa

Tel.: (11) 2594-2601

Entrada Franca

 

Exposição “Coleção de Fotografia Contemporânea da Telefônica”

Quando: Até 18 de setembro. Terça a domingo, das 11h às 20h

Onde: Instituto Tomie Othake

Av. Faria Lima, 201 – Pinheiros

Tel.: (11) 2245-1900

Entrada Franca

 

Exposição “Octavio Frias de Oliveira”

Quando: Até 9 de setembro. Segunda a sábado, das 10h às 22h; domingos, das 14h às 20h

Onde: Shopping Vila Olímpia

Rua Olimpíadas, 360 – Vila Olímpia

Tel.: (11) 4003-4173

Entrada Franca

 

Exposição “Bom Retiro e Luz: Um Roteiro, 1976-201”

Quando: Até 2 de outubro. Terça a sábado, das 12h às 19h; domingos e feriados, das 11h às 19h

Onde: Centro da Cultura Judaica – 1º andar

R. Oscar Freire, 2.500 – Pinheiros

Tel.: (11) 3065-4333

Entrada Franca

 

 

Texto: Jéssika Lopes

 

 

Relacionadas:

Uncategorised | 16/ 12/ 2021

16 de dezembro é dia do Teatro Amador: Conheça mais sobre essa importante prática cultural brasileira!

SAIBA MAIS

Notícias | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Notícias | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS