Em 2018, peças em cartaz na Escola terão sessões de sexta a segunda

Publicado em: 31/01/2018

‘Macunaíma’, da Confraria de Elephantes. Foto: Leo Xymox/Divulgação

A SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, ligada à Secretaria da Cultura do Estado, inicia a temporada de residências artísticas de 2018 no próximo dia 16 de fevereiro. Duas peças abrem a programação: “Descolador”, novo trabalho de Gabriela Mellão sobre Antonin Artaud; e “Macunaíma – Herói da Nossa Gente”, adaptação feita pela Confraria de Elephantes a partir do texto de Mário de Andrade.

Neste ano, as apresentações de peças na sede Roosevelt da Escola passam a ser feitas também às sextas-feiras, além das já tradicionais sessões aos sábados, domingos e segundas.

Estreia

Em sua mais nova peça, a dramaturga e crítica teatral Gabriela Mellão traça um retrato poético de Antonin Artaud, que surge em cena como um homem em processo de decomposição. “Descolador” estreia em 16 de fevereiro e segue em cartaz até 19 de março. As sessões acontecem nas sextas, às 21h30; sábados e segundas, às 21h00; e domingos, às 19h00. Ingressos: R$ 40 e R$ 20 (meia-entrada).

O solo com autoria e direção de Gabriela e protagonizado por Clovys Tôrres busca, através da composição dramatúrgica e da concepção de encenação, retratar este homem desintegrado pela dor, arruinado pela consciência das faltas do homem de seu tempo.

O ator Clovys Tôrres em cena no espetáculo ‘Desolador’. Foto: Giorgio D’Onofrio/Divulgação

Adaptação

Texto clássico da literatura modernista, “Macunaíma – Herói da Nossa Gente” ganha uma nova versão feita pela Confraria de Elephantes, com direção e adaptação de Lucas Scalco. A montagem fica em cartaz de 16 de fevereiro a 5 de março, às sextas, sábados e segundas-feiras, às 21h00, e domingos, às 19h00. Ingressos: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada).

Escrita por Mário de Andrade em 1928, a obra revela parte da pesquisa do autor acerca das lendas e mitos indígenas e folclóricos. Personagem-título do livro, Macunaíma nasce negro à margem do Rio Uraricoera, na Floresta Amazônica, mas vira branco, vai para a cidade com os irmãos e enfrenta todo tipo de gente em sua jornada mítica e repleta de simbolismos.

“Desolador”
Onde: SP Escola de Teatro, sede Roosevelt (Praça Franklin Roosevelt, 210, Consolação)
Quando: sex. 21h30; sáb. e seg., às 21h00; dom., às 19h00. De 16/2 a 19/3.
Quanto: R$ 40 e R$ 20 (meia-entrada) – à venda na bilheteria do teatro uma hora antes da apresentação.
Duração: 50 minutos
Quantidade de lugares: 60 lugares
Classificação: 14 anos
Ficha técnica: Texto, direção, cenário: Gabriela Mellão | Elenco: Clovys Tôrres | Luz: Alexandre Stockler e Gabriela Mellão | Trilha: Gabriela Mellão | Fotografia: Giorgio D’Onofrio.

“Macunaíma – Herói da Nossa Gente”
Onde: SP Escola de Teatro, sede Roosevelt (Praça Franklin Roosevelt, 210, Consolação)
Quando: sex., sáb. e seg, às 21h00; dom, às 19h00; De 16/2 a 5/3.
Quanto: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada) – à venda na bilheteria do teatro uma hora antes da apresentação.
Duração: 50 minutos
Quantidade de lugares: 80 lugares
Classificação: 16 anos
Ficha técnica: Direção e Adaptação: Lucas Scalco | Elenco: Jorge Mesquitta, Arthur Alavarse, Barbara Pereira, Maurício Belfante, Gustavo Merighi, Medeiros, Bruna Aragão, Selma Paiva, Fernanda Avillér, Isabel Oliveira, Zack Stancius,Wendy Hsieh, Riggo Oliveira, Lucas Carduz Rocha, Fabiana Tavares, Jean Amorim, Bia Malagueta e Juvenal Galeno | Músicos: Hércules Laino e Rafael Pinho | Assistente técnica: Helena Rojo | Produção teaser: NAV | Fotos: Leo Xymox | Parceria: Poesis

Relacionadas:

Notícias | 11/ 10/ 2021

No mês de seu aniversário, conheça a obra de um dos expoentes do modernismo brasileiro: Mário de Andrade

SAIBA MAIS

Notícias | 08/ 02/ 2021

Os Satyros estreia peça sobre futuro distópico em que não há natureza e as redes sociais dominam o mundo

SAIBA MAIS

Agenda | 20/ 03/ 2020

Diretor da SP Escola de Teatro, Ivam Cabral encena peça ao vivo no Instagram

SAIBA MAIS