Bravíssimo | Ítalo Rossi por Antonio Gilberto e Ester Jablonski

Publicado em: 27/06/2013



*Apresentação do livro “Ítalo Rossiisso é tudo”, escrito por Antonio Gilberto e Ester Jablonski para a Coleção Aplauso da Imprensa Oficial do Estado de SP, lançado em 2010 (para ler a obra, na íntegra, clique aqui)





Ao iniciar este trabalho em parceria com Ester Jablonski, sabia que nossa tarefa seria grande e intensa, afinal, são 60 anos da vida de um homem dedicados ao seu ofício: a arte de representar. Mas só tive a dimensão do significado disso durante os intensos meses de pesquisa e de inúmeras descobertas sobre o ator e diretor Ítalo Rossi.

Ao organizar essa fotobiografia, que através de imagens apresenta um resumo da sua carreira profissional no Teatro, Televisão e Cinema, tive a oportunidade de revisitar a história do moderno teatro brasileiro desde o início dos anos 50 até nossa atualidade, assim como a história da nossa televisão e do surgimento de sua teledramaturgia, hoje considerada uma das melhores do mundo.

Ítalo Rossi passou por quase todas as principais companhias e movimentos teatrais, onde pode desenvolver seu talento nato, que emprestou à criação de inúmeros personagens em todos os veículos em que exercitou seu ofício com maestria e brilhantismo, em uma carreira que nos dias de hoje seria impossível de ser construída pelo ecletismo, número e qualidade dos espetáculos teatrais nos quais atuou. Para termos uma ideia, só no Grande Teatro Tupi, participou de, aproximadamente, 445 teleteatros.


Uma trajetória que nos orgulha, a nós profissionais de teatro, que sabemos o quanto é difícil fazer e sobreviver do nosso trabalho, e ao público, por ter um artista de excepcional talento, um homem que dedicou sua vida à sua arte, e que através de seus personagens e todos os trabalhos que realizou proporcionou a diversas gerações o entretenimento, a emoção e a reflexão. Ítalo Rossi, como poucos, nos fez olhar de verdade para o espelho que é o Teatro e nele nos reconhecermos nas suas diversas dimensões.


Dedico esse trabalho a você, Ítalo, com todo meu carinho e emoção.


Muito obrigado por tudo!!!


Antonio Gilberto


“Para ser grande, sê inteiro: nada Teu exagera ou exclui. Sê todo em cada coisa. Põe quanto és No mínimo que fazes, Assim em cada lago a lua toda Brilha, porque alta vive.”

 Odes de Ricardo Reis 


Parece escrito para Ítalo Rossi. A transcendência, almejada pelos homens, mortais, uns poucos, os verdadeiros artistas, a conquistam.


No teatro, o efêmero da experiência vivida constitui sua linguagem, seu processo. Daí nossa inquietude, nossa demanda, insolúvel, de transmitir toda uma vida vivida, inteira, a serviço do teatro, que conta a história desse artista extraordinário, múltiplo, cuja trajetória conta e marca a história do teatro brasileiro.


Uma imensa e doce empreitada, tornada possível graças à Imprensa Oficial do Estado de São Paulo que
, com a Coleção Aplauso, resgata a memória do nosso teatro.


Às novas gerações dedicamos esse trabalho, para que possam, um dia, exaustos de tanto trabalho, e diante das enormes dificuldades que sempre se apresentam no caminho de quem se lança seriamente no ofício, dizer como Ítalo Rossi…


Nós éramos felizes, e sabíamos…

Ester Jablonski

 

Relacionadas:

Bravíssimo | 18/ 12/ 2014

Bravíssimo | Nívea Maria por Mauro Alencar e Eliana Pace

SAIBA MAIS

Bravíssimo | 11/ 12/ 2014

Bravíssimo | Renato Consorte por Eliana Pace

SAIBA MAIS

Bravíssimo | 04/ 12/ 2014

Bravíssimo | Rosamaria Murtinho por Tania Carvalho

SAIBA MAIS