Programa Kairós

Publicado em: 19/12/2017

O Programa Kairós é o braço social da SP Escola de Teatro, que busca aproximar os aprendizes de sua função de artistas/cidadãos. Entre as principais atividades do programa estão a concessão da bolsa-auxílio, chamada de Bolsa-Oportunidade, e ações de fortalecimento da relação estabelecida entre a Instituição e a sociedade.

Entre janeiro e dezembro de 2017, foram mais de R$ 300 mil destinados aos 122 aprendizes contemplados com a bolsa. O benefício atende a aprendizes em vulnerabilidade socioeconômica e é indispensável para muitos, consistindo em uma ajuda para gastos com transporte, alimentação e compra de materiais, entre outros.

Como contrapartida, os estudantes contemplados devem desenvolver atividades que contribuam com o processo de aprendizado proposto nos cursos regulares. Neste ano, o Kairós realizou 12 atividades de contrapartida.

Elas foram de ações focadas na própria SP Escola de Teatro, como a “SP Dramaturgias”, em que os aprendizes fizeram leituras dramáticas de textos produzidos por colegas e artistas convidados, a ações externas, como as aulas de teatro ministradas por dois aprendizes para as crianças do Ballet Paraisópolis na segunda maior comunidade de São Paulo. A sociedade também teve espaço dentro da Instituição, como quando o projeto SP Livros trouxe as alunas e alunos da Escola Estadual Padre Anchieta, vizinha da sede Brás da Escola, para assistir a experimentos cênicos criados pelos aprendizes dos cursos regulares.

Parcerias

O trabalho do Programa Kairós não se concentra somente nos estudantes dos cursos regulares da Instituição, mas também nos aprendizes egressos, preocupando-se em acompanhar sua trajetória profissional após a formação – em 2017, por exemplo, exerceu papel importante na colocação profissional de aprendizes no Instituto Tomie Otake.

Entre outras ações promovidas pelo programa estão a elaboração de projetos sociais e/ou culturais, os estágios para aprendizes da Escola e os intercâmbios culturais – nacionais e internacionais –, além da captação de recursos e/ou parcerias junto a órgãos públicos, ONGs, organismos internacionais e empresas privadas.

Em 2017, o programa estabeleceu parcerias com as várias unidades do Sesc em São Paulo para disponibilizar aos aprendizes, de graça, ingressos para espetáculos que movimentaram a cena paulistana de teatro, como a remontagem do Teatro Oficina de “O Rei da Vela”, no Sesc Pinheiros.