Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.
Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.
EN | ES

Minidrama

Publicado em: 28/02/2018

O projeto surgiu com o objetivo de discutir as novas possibilidades de narrativas dramáticas, em 2010. Os participantes deveriam escrever uma pequena peça de teatro com a hashtag #mdrama, no Twitter, usando parcos 140 caracteres. Presidida por Marici Salomão, coordenadora do curso de Dramaturgia da SP Escola de Teatro, a comissão julgadora do concurso foi composta por Sérgio Roveri, dramaturgo e jornalista; Noemi Marinho, atriz, diretora e dramaturga, e Otávio Martins, diretor, produtor, ator e dramaturgo. Foram eles que escolheram 100 textos, de um universo de mais de 2 mil inscritos.

Os trabalhos selecionados foram expostos no portal e no Twitter da Escola, além de fazer parte do livro “#Mdrama” (Editora Associação Amigos da Praça), cujo lançamento ocorreu no dia 27 de novembro, na Sede Roosevelt da SP Escola de Teatro. Na ocasião, houve a apresentação especial de um vídeo, cuja trilha sonora é assinada pelos aprendizes de Sonoplastia da Escola, sob a supervisão de Raul Teixeira, coordenador do curso.

Além disso, o diretor e ator Gilberto Gawronski foi encarregado de dirigir cenas baseadas em textos do “#mdrama”.

Alguns dos tweets vencedores são os seguintes: “Mãe, pq ele tá dormino nessa caixa? (Silêncio) Mãe, pq ele tá dormino nessa caixa toda enfeitada de flor? (silêncio) Acorda ele, mãe” #mdrama @eversonbertucci; “Eu sou filho biológico. O meu pai é o meu pai, mas a minha mãe…é uma lhama. Ensinou-me a cuspir para não ter medo das pessoas.” #mdrama @ferraciolifelip“Pela manhã no café dividiam os sonhos. A imagem que eles esqueceriam anos depois, no enterro da mãe. Disputando seu espólio.” #mdrama @heiheitor.