EN | ES

Veja como foi a apresentação da instalação performática Depois que Chegou, da Cia. Ministério Sem Fronteiras na SP

Publicado em: 20/05/2022

Na última quinta-feira, 19, a companhia Ministério Sem Fronteiras apresentou na sede Roosevelt da SP Escola de Teatro a instalação performática de teatro documentário Depois que Chegou. Com ingressos esgotados e plateia cheia, a apresentação foi um sucesso!

Lucas Moura, artista egresso da SP, lança podcast original Spotify com historias para crianças negras. Lázaro Ramos é o 1º convidado

Em cena, o performer Abel Garcia deu vida a uma pessoa que, depois de partir da sua terra natal, vivencia situações que os imigrantes passam quando se instalam em um novo lugar. Com recursos sonoros, plásticos e a interação com o público, contou a história que retrata as dificuldades e os momentos de refúgio em seu processo migratório. A ressignificação da identidade, a solidão, a burocracia, a xenofobia e a impossibilidade de voltar para o próprio país, são algumas das temáticas apresentadas.

Confira como foi:

Performance Depois que Chegou, da Cia. Ministério Sem Fronteiras. Foto: Bruno Galvincio/Adaap.

Ficha técnica
Ideia e Criaçao: Minstério Sem Fronteiras: Abel Garcia, Alicia Arteaga, Marian del Castillo e Maria Brighenti | Direção: Maria Brighenti | Performer: Abel Garcia | Direção de Arte: Alicia Arteaga e Marian del Castillo | Cenografia: Paulo Cavera | Sonoplastia: Natasha Hammel e Thiago Schin | Iluminação: Leticia Trovijo | Coreografia: Raissa Matos | Vídeo: Chico Toledo

Confira a galeria:

 




Relacionadas:

Notícias | 07/ 07/ 2022

Dramaturgia criada por estudante durante curso de extensão da SP estreia em julho no RJ

SAIBA MAIS

Notícias | 06/ 07/ 2022

Louise Azevedo, artista egressa da SP, celebra publicação de seu texto dramático ‘Apartamento’, pela editora Urutau

SAIBA MAIS

Notícias | 06/ 07/ 2022

Processo Seletivo 2/2022: Confira os aprovados para turmas do 2º semestre de 2022

SAIBA MAIS