Um Novo Ciclo

Publicado em: 24/01/2011

A SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, provisoriamente instalada na Avenida Rangel Pestana, 2.401, no Brás, teve sua sede inaugurada no fim de 2010.
 

Autoridades como Alberto Goldman, Gilberto Kassab e nomes diretamente ligados à cultura como Ivam Cabral, diretor executivo da Instituição, o produtor cultural e superintendente do Museu da Língua Portuguesa Antônio Carlos Sartini, o Secretário de Estado da Cultura Andrea Matarazzo, o professor de cinema e Secretário Municipal de Cultura Carlos Augusto Caliu e José Roberto Sadek, Secretário adjunto de Cultura, compareceram ao evento, ocorrido na Praça Roosevelt, local escolhido para sede definitiva.
 

Para Ivam Cabral, a mudança trará inúmeros benefícios. “Onde estamos estabelecidos, trabalhamos de forma improvisada. Já a nova sede nos oferece um espaço adequado para as coordenações”, diz Cabral. Segundo ele, o ambiente é muito favorável. “Conhecemos bem a Praça Roosevelt. O lugar é ideal”, completa.
 

A escolha da Praça Roosevelt, um dos pólos culturais de São Paulo, veio a calhar com outro objetivo, a revitalização da região. E a escolha tem o apoio de Cabral. “É obrigação nossa o exercício da cidadania. É necessário tomar espaços, se apropriar dos lugares para, depois disso, cobrarmos alguma postura”, conclui
 

O prédio, com uma área de 1,7 mil m², conta com salas de aula e multimídia, teatro, auditório, espaço de exposições, biblioteca, camarins, ateliês, vestiários e áreas para ensaio. A obra foi inteiramente planejada para o conforto e o bom desenvolvimento dos trabalhos dos formadores e aprendizes.
 

Com a mudança de sede, a SP Escola de Teatro inicia um novo ciclo em sua história. Com o conceito de “artistas que formam artistas”, as atividades letivas de 2011 se iniciam no dia 22 de fevereiro.