Turma da Mônica cresce no digital durante a quarentena

Publicado em: 01/09/2020

Parte do ramo do entretenimento, a Mauricio de Sousa Produções, dona da marca da Turma da Mônica, registrou crescimento recorde em suas plataformas digitais desde o início da quarentena.

Ao todo, a Mauricio de Sousa Produções realizou mais de 20 ações durante esse período. Além, é claro, do Cascão lavando as mãos (quem diria?!), houve a disponibilização de materiais informativos com orientações para combate à covid, parceria com marketplace, homenagens a profissionais da ciência e saúde, conteúdos totalmente inéditos e parte do acervo histórico da companhia disponibilizado gratuitamente para distração das pessoas que estavam todas em casa durante esse período.

O canal da Turma da Mônica no Youtube, apresentou maratonas das animações da turminha do Bairro do Limoeiro, e teve um crescimento de 75% nas visualizações, totalizando 80,5 milhões de horas assistidas – equivalente a 918 mil anos.

Para Marcos Saraiva, diretor de desenvolvimento comercial da MSP, o crescimento do consumo desses conteúdos se dá pela mudança de hábito das pessoas e da forma que o conteúdo é oferecido e analisado. “Para isso reduzimos a periodicidade e aumentamos a oferta de novos conteúdos em nossas plataformas além de investirmos no trabalho de análise de dados através do monitoramento diário em parceria com a Stilingue”, pontua.

Durante o período foram mais de 315 mil publicações referentes à Turma (um aumento de 75%) e mais de 89,8 mil publicações sobre o Cascão (um aumento de 225%). As mensagens de solidariedade e o tom educativo em uma comunicação clara e direcionada para o público infantil foram bem recebidos pelos internautas. Os dados são da STILINGUE, plataforma líder de nacional de Inteligência Artificial (IA) para o idioma Português (PT-BR) – com foco em Social Intelligence & Responding em tempo real.

Para Laércio Nicolau, Customer Success da STILINGUE, o projeto com a Maurício de Sousa Produções conseguiu aliar o melhor das duas empresas: “Da STILINGUE vieram os dados para levantamento, mensuração e acompanhamento desse trabalho e, da Turma da Mônica toda mobilização para tratar um assunto tão sério como ao Covid-19 dessa forma encantadora e didática”.

O reflexo positivo pode ser notado imediatamente em todos os canais digitais da empresa. As publicações citando o Cascão aumentaram 229%. Um reflexo direto da ação de conscientização sobre a importância de lavar as mãos. O Instagram teve um crescimento de 63% no alcance médio dos posts; o Facebook registrou uma alta de 57% no engajamento das publicações e, somente o Twitter obteve uma marca de 200 mil interações em uma única semana.

Segundo pesquisa feita neste cenário, foi realizada pela Decode, empresa de data analytics do BTG Pactual. Intitulado “O legado da quarentena para o consumo”, o mapeamento indicou um crescimento da procura por atividades relacionadas ao entretenimento. Somente o Youtube registrou um aumento de 9,1% do tráfego na plataforma.

Além da repercussão das ações nas redes sociais, a marca ganhou espaço na mídia nacional, atingindo 315 mil publicações envolvendo a Turma da Mônica.

 

CULTURA EM CASA

Assim como outros equipamentos, a SP Escola de Teatro criou uma programação especial na internet para oferecer ao seus seguidores. Assim, está disponível uma série de conteúdos multimídia, como vídeos de espetáculos e de palestras e bate-papos de nomes como as atrizes Fernanda Montenegro, Nathalia Timberg e Denise Fraga, a monja Coen, a escritora Adélia Prado e o pastor Henrique Vieira, além de cursos gratuitos a distância.

O acervo ainda inclui filmes produzidos pela Escola Livre de Audiovisual (ELA) – iniciativa da Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap), gestora da SP Escola de Teatro – em parceria com instituições internacionais, com a Universidade das Artes de Estocolmo (Suécia).




Relacionadas:

Notícias | 18/ 10/ 2021

Atores e dramaturgos periféricos são destaque no festival de teatro online da Trupe Investigativa Arroto Cênico

SAIBA MAIS

Notícias | 18/ 10/ 2021

Andanças pelo Teatro Mundial: SP entrevista a premiada dramaturga, performer e diretora sul-africana Napo Masheane

SAIBA MAIS

Notícias | 18/ 10/ 2021

O que é auto-teatro?

SAIBA MAIS