Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.
Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.
EN | ES

Tom Rezende, artista egresso de direção da SP, ganha prêmio de melhor direção por Lisístrata – O Voo das Andorinhas

Publicado em: 28/06/2022

Foto: Eder Gaioski

No último sábado, 25, o espetáculo Lisístrata – O Voo das Andorinhas, dirigido por Tom Rezende, artista egresso de direção da SP Escola de Teatro, recebeu muitos prêmios no 22º Festival Nacional de Teatro. O evento ocorreu no Teatro Municipal Fernando Torres, em Guaçuí, para prestigiar grupos e companhias teatrais de diferentes partes do Brasil. Lisístrata é uma releitura da comédia de Aristófanes e narra a história de mulheres de várias cidades da Grécia que, cansadas de perder seus maridos e filhos para a guerra, criam um protesto inédito para dar fim ao conflito que já dura há mais de 20 anos.

foto: Eder Gaioski

Produzida pela Companhia do Voo de São Paulo (SP), a peça conta a história da ateniense Lisístrata, que lidera a iniciativa. No enredo, as gregas decidem organizar uma greve de sexo como forma de se fazerem ouvidas pelos homens da época. Inspirada na tradução inglesa para a metáfora do subtítulo “O Voo das Andorinhas”, o espetáculo traz um diálogo com a contemporaneidade acerca do feminino. A sonoplastia é executada ao vivo e a encenação é totalmente voltada ao universo e orientação geográfica dos pássaros. O figurino é assinado por Rosângela Ribeiro, a encenação e direção geral por Tom Rezende e a direção musical por Izabel Lima.

Dentre os prêmios vencidos pela montagem estão Melhor figurino, Melhor Maquiagem, Melhor Sonoplastia, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Direção e Melhor Espetáculo. Mesmo tendo sido escrito por dramaturgo grego há mais de dois mil anos, o espetáculo ainda se mostra atual e relevante ao discutir as expectativas sociais impostas à mulher.




Relacionadas:

Notícias | 17/ 08/ 2022

Tradutor de Silêncios, peça com textos de Mia Couto, estreia na sede Roosevelt da SP nesta sexta (19)

SAIBA MAIS

Notícias | 17/ 08/ 2022

Marici Salomão e Rodolfo García Vázquez participam de evento promovido pelo CPT do Sesc sobre dramaturgias moduladas pela tecnologia

SAIBA MAIS

Notícias | 17/ 08/ 2022

Fundação das Artes de São Caetano abre inscrições para a Mostra de Cenas Curtas de 2022

SAIBA MAIS