Teatro de figuras alegóricas no colóquio “O que é a pedagogia do teatro?”

Publicado em: 26/09/2013

A SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, dá prosseguimento, em outubro, ao Colóquio “O que é a pedagogia do teatro?”, que tem entrada gratuita e é aberto ao público.

 

Com curadoria e mediação da Prof.ª Dr.ª Ingrid Dormien Koudela, livre-docente da ECA-USP, o Colóquio propõe a organização de temas, a serem debatidos por especialistas, com a proposta de ser um instrumento de trabalho da Pedagogia do Teatro. Os assuntos, que se estenderão até o final deste ano, serão debatidos em 13 mesas, que vão enfocar a Pedagogia do Teatro, na prática e na teoria. “Incorporamos, na proposta do Colóquio, temáticas que alcançaram projeção significativa no discurso internacional e que pertencem aos conhecimentos reunidos na área. Os encontros pretendem se caracterizar como disciplina de integração entre os polos teatro e pedagogia, bem como de disciplinas limítrofes”, observa Ingrid Koudela.

 

A 11ª mesa está programada para o dia 1º de outubro, às 19h, e trará para o debate Ingrid Koudela e o pesquisador, diretor e coordenador pedagógico da Escola, Joaquim Gama, que falarão sobre “Teatro de figuras alegóricas”.

 

Mês de outubro encerra a programação do colóquio com três mesas (Foto: André Stéfano)

 

Sobre os participantes da mesa

Prof.ª Dr.ª Ingrid Koudela

Livre-docente pela ECA-USP. Pesquisadora pelo CNPq com Bolsa de Produtividade de Pesquisa. Docente do Curso de Pós-Graduação em Artes Cênicas na ECA-USP. Docente do Curso de Licenciatura em Teatro da Uniso — Universidade de Sorocaba. Autora de “Jogos teatrais” (Editora Perspectiva, 2011, 7ª edição), é tradutora e introdutora do sistema de Jogos Teatrais de Viola Spolin no Brasil. Pesquisadora de Brecht, com ênfase nas peças didáticas, publicou os seguintes volumes de sua autoria: “Brecht — um jogo de aprendizagem” (2007); “Um voo brechtiano” (1992); “Texto e jogo” (2010) e “Brecht na pós-modernidade” (1996), todos pela Perspectiva. Organizadora do volume “Heiner Müller — o espanto no teatro” (Perspectiva, 2003). Em parceria com o Prof. Dr. Jacó Guinsburg, publicou a tradução da obra de Georg Büchner, “Georg Büchner — na pena e na cena” (Perspectiva, 2004), que recebeu indicação para o Prêmio Jabuti, em 2005. Colaboradora em vários verbetes do “Dicionário do teatro brasileiro” (Perspectiva, 2006) e da “História do teatro brasileiro” (Perspectiva, 2013). Organizadora do volume “Léxico de pedagogia do teatro”, também pela Perspectiva (no prelo).

 

Joaquim Gama

Doutor em Teatro, na área da Pedagogia do Teatro, pela ECA/USP, em 2010, com o trabalho “A abordagem estética e pedagógica do teatro de figuras alegóricas: chamas na penugem”, com orientação da Profª. Drª. Ingrid Dormien Koudela. Faz mestrado em Artes pela mesma instituição, em 2000, com a tese “Velha-nova história: produto teatral – Um experimento com alunos do Ensino Médio”, com orientação da Profª. Drª. Maria Lúcia Puppo. Especialista em Teatro-Dança pela ECA/USP, em 1992. Graduado pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo, licenciado em Artes Cênicas (1984). Professor convidado da ECA/USP nos cursos de graduação. Coordenador pedagógico da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco. Desenvolve pesquisas na área da Educação e Arte.

 

Serviço

Colóquio: “O Que é a Pedagogia do Teatro?”

Mesa 11: “A pedagogia da peça didática de Bertolt Brecht: pesquisas brasileiras contemporâneas”

Com Francimara Nogueira Teixeira e Vicente Concilio

Quando: Dia 1º de outubro, das 19h às 21h

Onde: SP Escola de Teatro – Sede Roosevelt

Praça Roosevelt, 210 – Consolação

Tel. (11) 3775-8600

Grátis

 

 

Texto: Felipe Del