Cia. do Caminho Velho estreia vídeo-encenações e lança livro sobre resiliência feminina

De 26 a 30 de maio, a Cia. do Caminho Velho faz nova estreia online com quatro vídeo-encenações, feitas a partir de contos dramatúrgicos que falam sobre resiliência feminina, presentes no livro Sou Fogo do autor Alex Araújo.

Ela na Casa, Ela na Calçada, Ela Cozinhando na Cabeça e Ela Escondida em seu Próprio Quarto, trabalhos dirigidos pela atriz e diretora Carolina Erschfeld em parceria com os cineastas André Okuma e Reiko Otake, serão exibidos pelo canal do YouTube do Coletivo.

“O que o público entrará em contato com essas vídeo-encenações não são filmes e nem peças de teatro. Ainda temos muito a descobrir nesse processo, com a possibilidade de criação de um teatro online, aqui chamado de vídeo-encenações, um cinema que quer ser teatro ou um teatro que quer ser cinema, algo que padece de uma falta assumidamente.” explica a diretora, enfatizando que o peso da atmosfera vivida está nos textos que compõem o livro e as vídeo-encenações.

Além das atuações, que têm Daiane Sousa, Fabiana Barbosa e Letícia Sampaio no elenco, o projeto conta também com o o lançamento do livro Sou Fogo, que inclui seis contos inéditos. Com o tema “resiliência descomunal como arma do indivíduo simbólico”, o autor Alex Araújo comenta que o livro possui como figuras centrais mulheres que são chamadas por “ela”, mas são completamente diferente em suas vivências, e que de maneira simbólica, representam a luta de muitas mulheres.

Imagem de “Ela na casa”, que conta sobre uma mulher que se sente presa dentro de sua casa e de seu corpo

Segundo Carolina: “O livro fala sobre a capacidade que as mulheres tem de permanecerem vivas. Sobre uma resiliência que é antes de tudo um elemento inseparável da própria vida. Como a graminha que nasce em meio ao concreto da calçada. Não a resiliência de um olhar romântico e conformado da vida. E sim a resiliência como arma de combate. Sou fogo é sobre a mulher que se percebe fogo ao se dar conta da força de sua resiliência.”

O livro será distribuído de maneira impressa em instituições educacionais e culturais da cidade. A Cia. do Caminho Velho também o disponibilizará, em formato de e-book, nas transmissões das vídeo-encenações.

O projeto é realizado por meio do Fundo Municipal de Cultura de Guarulhos (FunCultura), com recursos da Lei Aldir Blanc.

Serviço:

Ela na CasaCompletamente só, trancada dentro de uma casa minúscula, ela se sente presa dentro de seu próprio corpo. Seu filho foi assassinado e os assassinos estão entocados prontos para atear fogo em sua casa e em seu corpo.
* Quarta-feira – 26 de maio, às 20h

Ela na Calçada – Uma moradora de rua está sentada no meio-fio em frente a uma loja. A proprietária do estabelecimento quer enxotá-la. Enquanto isso, ela só consegue pensar no amontoado de britas que juntou na calçada.
* Quinta-feira – 27 de maio, às 20h

Ela Cozinhando na Cabeça – Ela cozinha a si própria em sua cabeça. Ela sente o calor aumentando dentro de seu corpo e se fortalece ao sentir prazer completamente sozinha.
* Sexta-feira – 28 de maio, às 20h

Ela Escondida em seu Próprio Quarto – Uma mulher vive uma angústia enorme em presenciar o assassinato de milhares de pessoas pela ação ou falta de ação de um líder.
* Sábado 29 de maio, às 20h (após a apresentação haverá bate-papo com a equipe)

Maratona com todas as vídeo-encenações
* Domingo – 30 de maio, das 14h e às 18h

Transmissões pelo YouTube da companhia

Siga: @ciadocaminhovelho

 

 

 




Posts Archives

Cia. do Caminho Velho estreia vídeo-encenações e lança livro sobre resiliência feminina

Posted on

De 26 a 30 de maio, a Cia. do Caminho Velho faz nova estreia online com quatro vídeo-encenações, feitas a partir de contos dramatúrgicos…

Read more