Miguel Arcanjo Prado e Ellen de Paula debatem sobre a 3ª edição do Festival Dona Ruth em live transmitida pela SP

Na próxima quinta-feira às 18h30, será transmitida pelo Youtube da SP Escola de Teatro uma live que contará com a presença do jornalista Miguel Arcanjo Prado e da atriz Ellen de Paula. Ambos estarão debatendo sobre a 3ª edição do Dona Ruth festival de teatro negro realizado pela Aquariane Produções Artístico Culturais, que celebra a arte afro-indígena e homenageia a atriz Ruth de Souza. A abertura do evento contou com cinco dias de música, poesia, rodas de conversa e criações cênicas audiovisuais de artistas negros e indígenas que transitam entre teatro, performance, dança e artes visuais.

Em ocasião do centenário de Ruth de Souza em maio de 2021, o Itaú Cultural decidiu apoiar o projeto e divulgou a carta que Ellen de Paula e Gabriel Cândido, idealizadores do evento, entregaram para a atriz celebrada pedindo licença e permissão para homenageia-la de forma permanente no festival através, principalmente, do gesto afetivo “Dona Ruth”. Em sua 3ª edição, o Dona Ruth: Festival de Teatro Negro potencializa seu alcance, com atividades culturais virtuais acessíveis a diversas partes do Brasil. Outras instituições também colaboraram com o festival como o SESC SP, a Secretaria Municipal de Cultura, o Museu Afro Brasil Oficina Cultural Oswald Andrade:

“Para nós, tem sido fundamental o apoio institucional que recebemos do Itaú Cultural e de todas as demais instituições parceiras que constroem esta edição conosco, demonstrando compromisso no enfrentamento das estruturas que historicamente subalternizam, apagam e matam – também no campo das artes, da educação e da cultura – as presenças, as histórias, as lutas, as memórias e os saberes dos povos negros e indígenas”, comenta Ellen de Paula.

A programação completa está disponível no site oficial do festival: https://donaruthftnsp.com.br/.

Ruth de Souza

Nascida no Rio de Janeiro em 1921, Ruth Pinto de Souza interessou-se por teatro ainda na infância enquanto a récitas no Theatro Municipal. Fez parte do Teatro Experimental do Negro liderado por Abdias do Nascimento e fez sua estreia em O imperador Jones, de Eugene O’Neill, em 1945. Estudou na Universidade Harvard, nos Estados Unidos e na Academia Nacional do Teatro Americano, em Nova York. Em 1948, estreou no cinema em Terra violenta, adaptação do seu romance Terras do sem fim. Participa de diversas produções das três empresas pioneiras: Atlântida, Maristela Filmes e Vera Cruz. Foi a primeira atriz brasileira indicada para prêmio internacional: o Leão de Ouro, no Festival de Veneza de 1954.

Ellen de Paula

Nascida em Guarulhos (SP), a atriz, educadora, produtora cultural e pesquisadora Ellen de Paula é filha de Joana D’Arc da Silva Paula e Vicente de Paula Filho. Mestra em Artes Cênicas pela  UFBA (2016) e Licenciada em Artes Cênicas pela  UFOP (2011), ela foi junto ao formador da SP Gabriel Cândido uma das idealizadoras, diretoras, e curadoras do Dona Ruth: Festival de Teatro Negro de São Paulo.

Miguel Arcanjo Prado

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. Eleito pelo Prêmio Comunique-se um dos melhores jornalistas de Cultura do Brasil. É crítico da APCA, da qual foi vice-presidente, e passou pelos principais veículos, como Globo, Record, Folha, Abril e Band. Desde 2012 faz o Blog do Arcanjo. Em 2019 criou o Prêmio Arcanjo de Cultura no Theatro Municipal de SP. É Coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro.

 




Posts Archives

Miguel Arcanjo Prado e Ellen de Paula debatem sobre a 3ª edição do Festival Dona Ruth em live transmitida pela SP

Posted on

Na próxima quinta-feira às 18h30, será transmitida pelo Youtube da SP Escola de Teatro uma live que contará com a presença do jornalista Miguel…

Read more