Benedito Ferreira, artista egresso da SP Escola de Teatro, dirige longa-metragem no 29º Festival Mix Brasil

Foto: Divulgação

O artista egresso do curso de cenografia e figurino da SP Escola de Teatro, Benedito Ferreira, assina a direção, o roteiro e a direção de arte do filme A Última Imagem. A obra será exibida no próximo dia 18 de novembro (quinta-feira), às 16h30, no CCSP – Sala Lima Barreto, como parte do 29º Festival Mix Brasil, em São Paulo.

O longa, que estreou em 2021 no Transition Queer Film Festival Vienna (Áustria), participou do Laboratório de Montagem do Pirenópólis.Doc em 2017, e contou com o acompanhamento do conceituado crítico e montador de cinema Eduardo Escorel. A Última Imagem narra o encontro de dois personagens, ambos chamados Benedito, que decidem fazer um filme juntos. Com o passar do tempo, eles divergem, se aproximam, mostram seus cotidianos sem grandes novidades e relatam seus sonhos.

Mesclando cenas documentais e ficcionais, o projeto começou enquanto o diretor estava na Europa, em 2015,  com imagens feitas em um corredor iluminado numa estação de metrô do centro de Paris. Essas fotografias mostram o protagonista diante de um espelho que deforma a aparência. Após algum tempo, o artista voltou para a França para dar continuidade ao filme.

Benedito Ferreira, natural de Itapuranga em Goiânia, já mostrou trabalhos e colaborou com instituições como Museu de Arte Contemporânea de Goiás (MAC GO), Círculo de Artes Plásticas de Coimbra (Portugal), The Room Projects (França), Art Space BLECH for Contemporary Art (Alemanha) e Czong Institute for Contemporary Art (Coreia do Sul). Seu trabalho integra o acervo do Museu de Arte Contemporânea de Jataí (GO), da Pinacoteca Municipal Miguel Dutra (SP) e do Netherlands Institute for Sound and Vision (Holanda). Em 2019, foi contemplado com o prêmio Rumos Itaú Cultural. É graduado em Audiovisual pela Universidade Estadual de Goiás, mestre em Arte e Cultura Visual pela Universidade Federal de Goiás e doutorando em Artes na Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Tendo estudado também na SP, o artista lembra com carinho o papel que a escola teve em sua trajetória:

“Fiz parte da segunda turma do curso de Cenografia e Figurino da SP Escola de Teatro. Hoje, vivo e trabalho em Goiânia, mas sempre que viajo a São Paulo faço questão de visitar as sedes da escola. Estar naqueles espaços significa ativar sentimentos muito bons, de descobertas, parcerias e alegrias. J. C. Serroni, coordenador do curso, e Telumi Hellen, formadora, foram fundamentais na minha trajetória. Tenho profunda admiração pelo trabalho que eles desenvolvem.”

Para realizar as filmagens na França, o diretor Benedito contou com os apoios da Lei Municipal de Incentivo À Cultura e do Fundo de Arte e Cultura de Goiás. Ele produziu imagens em Paris, Nantes e nas pequenas cidades La Plaine-sur-Mer e Saint-Brevin-les-Pins, localizadas na costa francesa. As tomadas que encerram o filme foram feitas próxima a escultura em alumínio Serpente do Oceano, obra monumental do artista chinês Huang Yong Ping.

 

29º Festival Mix Brasil

O evento é dedicado à comunidade LGBTQIA+  e reúne filmes, espetáculos teatrais, palestras e debates que giram em torno de temas relacionados. A programação do evento será híbrida, com atividades presenciais, acontecendo em seis salas espalhadas pela cidade, e online, transmitidas em diferentes plataformas, todas gratuitas. O festival se divide em vários núcleos, cada um dedicado a uma área ou linguagem artística específica. A programção completa do evento está disponível no site.

 

A Última Imagem

 

 

Sinopse

Benedito Senna é cego. Ele se mudou de Belém para a França, onde se apaixonou e se casou com Jean Luc, que é um pouco seus olhos e leitor dedicado de seus poemas. É em Paris que ele conhece outro Benedito, diretor de filmes e também brasileiro e gay. Desse primeiro encontro, restaram alguns vídeos de celular e mensagens de voz trocadas. O nome e a paixão em comum pelas imagens fazem com que, anos mais tarde, eles se reencontrem para fazerem um filme. Juntos, vão em busca da última imagem que Senna se lembra de ter visto.

Produzido por: Sertão Filmes, Estúdio BÃO e Estratosfilmes

 




Posts Archives

Benedito Ferreira, artista egresso da SP Escola de Teatro, dirige longa-metragem no 29º Festival Mix Brasil

Posted on

O artista egresso do curso de cenografia e figurino da SP Escola de Teatro, Benedito Ferreira, assina a direção, o roteiro e a direção…

Read more