SP Escola de Teatro levará cinco projetos à Quadrienal de Praga 2015

Publicado em: 11/02/2015

Setenta e oito projetos brasileiros foram inscritos na Mostra das Escolas Brasileiras do Desenho da Cena, a seletiva oficial para a Mostra dos Estudantes Brasileiros de Cenografia na 13ª edição da conceituada Quadrienal de Praga: Espaço e Design Cênico.

 

Ao total, 12 instituições enviaram seus projetos, e 30 foram escolhidos pela comissão responsável. Destaque para a SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, que foi a escola com o maior número de projetos selecionados: foram cinco, orientados pelos artistas convidados Adriana Vaz e Marcio Tadeu, pela formadora do curso de Cenografia e Figurino, Telumi Hellen, e por J.C. Serroni, coordenador dos cursos de Cenografia e Figurino e Técnicas de Palco.

 

Além disso, veio da Escola também aquele que foi considerado o melhor projeto nacional: “Minhocão, AP 72”, desenvolvido com orientação de Serroni por Henrique Yokoyama, Nina Nuernberger, Rodrigo Araujo Leitão Rosa, Sueliton Edson Martins e Rosana Rocha e Silva.

 

 

Definida por Serroni como “o Oscar da cenografia”, a Quadrienal de Praga, que acontece de 18 a 28 de junho, é o evento mais importante da área, contando com a participação de cenógrafos, figurinistas, designers, arquitetos e artistas visuais de mais de 60 países.

 

É a segunda vez consecutiva que a SP Escola de Teatro vai à capital da República Tcheca para participar do evento. Em 2011, ano da última edição, a Escola apresentou, na mostra das escolas, três trabalhos de aprendizes de Cenografia e Figurino e Técnicas de Palco.

 

“Em junho de 2015, mais de duas dezenas de aprendizes irão a Praga, e poderão desfrutar, assim como eu desfrutei a partir de 1987, de todas as atividades lá programadas. Espero, que como eu, possam ser bastante estimulados, para que a cenografia na vida deles possa ter significado tão importante como na minha primeira ida até lá”, diz Serroni, que já participou de várias edições do evento.

 

Neste ano, o tema proposto pela organização da PQ15 é “SharedSpace: Music Weather Politics. Dentro disso, a diretriz conceitual da Mostra das Escolas Brasileiras é “política”. “‘BRASIL: LABirintos compartilhados’ é o título que revela a intenção da Mostra dos Estudantes Brasileiros de Cenografia de criar uma cartografia que alcança a multiplicidade das manifestações do desenho e espaço da cena. Nossa proposta é dar voz aos núcleos de produção, ensino e pesquisa em cenografia no Brasil, construindo um campo aberto para que cada um se manifeste em sua diversidade”, diz o programa da Mostra.

 

Além da mostra de escolas, a Quadrienal terá uma série de outras atividades, como workshops, performances, leituras, discussões e instalações de alguns dos mais importantes cenógrafos do mundo.

 

Confira, abaixo, os projetos da SP Escola de Teatro que foram selecionados:

 

Orientador: J.C. Serroni

MINHOCÃO, AP 72 – Henrique Yokoyama, Nina Nuernberger, Rodrigo Araujo Leitão Rosa,Sueliton Edson Martins , Rosana Rocha e Silva

OCUPAÇÂO JACEGUAY – Flávia Roberta Capraro de Toledo, Mariana Soares Leme, Claudia dos Santos Ferreira

 

Orientadores: J.C. Serroni / Telumi Hellen / Adriana Vaz / Marcio Tadeu 

CIDADE MÓVEL VOLUME VIVO – César Riello Santos, Danielle Caroline Dessierê Antonio, Gabriela Fernadez Menacho e Luiz Felipe Bernardes dos Santos

 

Orientadora: Adriana Vaz

HOMO HABITATS – Victor Vinicius de Almeida, Luciana Previdi Crozetta

ENTRE MUROS – UMA REFLEXÃO SOBRE O QUE NOS CERCA – Carolina, Nathália, Maiara

OS FIOS JUSTIFICAM OS MEIOS – Paula Braga Borges, Isabella Franco Bourroul Neves, daniel Bruno Roque, Camilla Gordilho de Souza

 

Orientadora: Telumi Hellen

PHOBIA – Ivan Zancan

SAMBAQUI DA ARTE – TEATRO BRASILEIRO – Aline Dayse Lima Rodrigues

 

Orientador: J.C. Serroni

INVISIBILIDADE SOCIAL – Karine Lopes da Silva, Luma de Souza yoshioka, Thatiane Miranda Marcinelli;

ESTÉTICA DA GINGA VERSUS ESTÉTICA DA MARCHA – Jéssica Tuffengdjian Gouveia, Juliana Corina Silveira de Souza Arantes

UNDERGROUND (W)HOLES – Rogério Romualdo Pinto, Ingrid Rosa Van Bodegraven, Camila do Carmo Olivetti

Relacionadas:

Notícias | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Notícias | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS

Uncategorised | 01/ 10/ 2021

Festival Satyricine Bijou anuncia vencedores da mostra competitiva e homenageia a atriz e cineasta Helena Ignez

SAIBA MAIS