SP Escola de Teatro inaugura estúdio de som

Publicado em: 17/12/2013

Nesta quinta-feira (19), às 20h, a SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco inaugura seu estúdio de som, um espaço cuja estrutura se enquadra nos mais altos padrões internacionais. Montado no sétimo andar da Sede Roosevelt, servirá como estúdio de gravação e produção de áudio, assim como de alguns trabalhos de vídeo.

 

Raul Teixeira, coordenador do curso de Sonoplastia, escreveu um texto sobre a concretização do projeto, do qual foi um dos idealizadores. Leia, na íntegra:

 

 

Mais um sonho realizado na SP Escola de Teatro: nasce o estúdio de som, o mais novo espaço de criação para gravação de som e edição de vídeos.

 

A cada conquista que a Escola alcança, a alegria em oferecer e compartilhar o que foi pensado, estudado, discutido, batalhado e realizado se multiplica prazerosamente. Todos os cursos, atividades, publicações, eventos e espaços construídos são desejos que se concretizam e, com essa ânsia de conseguir algo, poder dividir com os nossos aprendizes e todos que frequentam a Instituição.

 

Esta realização só foi possível porque recebemos todo o apoio da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo e a dedicação diária de muitos funcionários e técnicos que se empenharam para que este estúdio recebesse as melhores instalações e equipamentos que o espaço de uma escola de formação poderia ter.

 

O estúdio ocupa o sétimo andar do prédio da SP Escola de Teatro – Sede Roosevelt. Um espaço que será utilizado nas atividades pedagógicas dos Cursos Regulares (principalmente das aulas de sonoplastia), nos cursos de Extensão Cultural, em gravação de CD’s e demos, na realização de dublagem e em outros projetos especiais criados pela Instituição.

 

Com a orientação do produtor musical Sergio Campanelli, sócio da MCR (um dos mais importantes estúdios de gravação do Brasil) e conselheiro da Adaap – instituição idealizadora e gestora do projeto da Escola –, recebemos a indicação do também renomado engenheiro acústico Egidio Conde, da Echoacustica, que com sua equipe de técnicos e artesãos projetou um estúdio de grande beleza e cuidadoso espaço acústico para atender com qualidade sonora a gravação de áudios. Serão bem-vindos tanto aprendizes da Escola como aqueles que queiram gravar suas músicas, trilhas sonoras para teatro, cinema, vídeos, spots etc.

 

O estúdio, que é totalmente interligado, consiste nas seguintes salas:

 

sala de controle A, contendo os principais equipamentos de mixagem e gravação de som, como computadores, mesa de som digital e periféricos;

estúdio de gravação A, espaço para que os sonoplastas, instrumentistas e vocalistas possam executar suas composições com alguns instrumentos que compõe a sala como bateria, guitarra, baixo, teclado, violão. E, para captar o som destes instrumentos, dispomos de uma série de microfones dinâmicos e condensadores;

sala de controle B, para a realização de pós-produção (edição digital) de áudio e imagem;

estúdio vocal-booth, uma sala menor para gravação de voz e pequenos instrumentos;

 

Além de atender como sala de aula para práticas de gravação, edição, masterização de música e sons, pretendemos utilizar o espaço para alguns projetos especiais:

 

1. Projeto Orfeu – criação de um banco de som com músicas, efeitos e sons disponibilizados gratuitamente no portal da Escola. O material será captado e editado pelos próprios aprendizes. 

2. Cursos de Extensão Cultural – realização dos cursos voltados para áudio e dublagem, organizados e produzidos pela coordenadora Lucia Camargo.

3. Radiodrama – recuperação da história e registros de radionovelas produzidas no Brasil. Práticas de dramaturgia para radiodramas com o objetivo de trazer aos ouvintes de uma futura web radiotextos contemporâneos criados pelos aprendizes de Dramaturgia e Sonoplastia.

4. Palavra em Cena – gravação dos podcasts sobre a história do teatro, escritos e narrados pelo diretor e dramaturgo Maurício Paroni de Castro e veiculados no portal da Instituição.

5. Gravação de som – locação do estúdio para gravação de bandas e músicos que desejem gravar suas trilhas sonoras. 

 

Parabéns e obrigado a todos que repartiram conosco este imenso prazer de deixar para a cidade de São Paulo este maravilhoso estúdio, que com certeza será o novo palco de grandes encontros de artistas e novas sonoridades.