Kairós abre seleção para Bolsa-Oportunidade do 1º semestre de 2018

Publicado em: 20/02/2018

Foto: André Stefano/SP Escola de Teatro

Aprendizes dos cursos regulares da SP Escola de Teatro têm até domingo (25) para se inscrever no processo seletivo da Bolsa-Oportunidade do Programa Kairós. Neste semestre, serão até 75 selecionados, que receberão uma bolsa-auxílio mensal de R$ 650.

Podem concorrer ao benefício aprendizes que possuam renda familiar per capita igual ou inferior a R$ 1.356. Todos os requisitos estão detalhados no edital, disponível no site da SP Escola de Teatro.

Com a Bolsa-Oportunidade, os contemplados podem suprir parte de suas necessidades, como transporte, alimentação, aquisição de material técnico-pedagógico e acesso a bens culturais. Em contrapartida, os selecionados devem participar de atividades regulares coordenadas pelo Programa Kairós.

“É importante que os aprendizes devolvam para a sociedade, de alguma maneira, o benefício que recebem”, diz Cléo de Páris, coordenadora do Kairós. “Seja através de atividades externas, como ações com alunos de escolas públicas da cidade, ou com atividades internas, como as monitorias supervisionadas por formadores dos cursos regulares”, explica.

Neste ano, o departamento vai abrir vagas em atividades de contrapartida também para estudantes que não foram contemplados com a Bolsa-Oportunidade.

Em 2017, as atividades envolveram ações como as aulas de teatro no Ballet Paraisópolis e a apresentação de experimentos para alunos da Escola Padre Anchieta, vizinha da SP Escola de Teatro na sede Brás.

Outras oportunidades

Braço social da SP Escola de Teatro, o Programa Kairós é responsável por buscar oportunidades para aprendizes dos cursos regulares, como vagas de emprego, estágio e intercâmbio.

O departamento também faz parceria com instituições culturais de São Paulo, como o Sesc – cuja credencial disponibilizada para os estudantes dá acesso a espetáculos de teatro e dança com ingressos mais baratos ou de graça.




Relacionadas:

Notícias | 06/ 12/ 2021

Oficina Olhares: “É possível falar de masculinidade e feminilidade sem sermos binários?”, por Manfrin Manfrin

SAIBA MAIS

Notícias | 06/ 12/ 2021

Oficina Olhares: “As cores da foto do menino no poste estão desaparecendo”, por Milena Siqueira

SAIBA MAIS

Notícias | 06/ 12/ 2021

Oficina Olhares: “Se algo de fato existe, ele é feito de carne e sangra”, por Clara Prado

SAIBA MAIS