EN | ES

O Prêmio FEMSA de Teatro Infantil e Jovem divulgou a lista de indicados do primeiro semestre de 2010

Publicado em: 09/09/2010

Após a análise de 21 espetáculos estreantes em São Paulo, doze peças se destacaram pelo olhar dos jurados do Prêmio Femsa de Teatro Infantil e Jovem, entre elas, o espetáculo infantil “Parapapá! Circo Musical”, do grupo Parlapatões.

 

Exibido numa lona de 700 lugares, armada no Memorial da America Latina em São Paulo, o espetáculo infantil “Parapapá! Circo Musical” conta a história de um pequeno menino que deseja visitar o circo. Lá, faz amizade com um palhaço apaixonado por uma bailarina. Ao ajudar seu novo amigo na conquista da moça, o garoto acaba participando da ação no picadeiro e, ao vivo, os músicos da Banda Paralela acompanham com seus instrumentos as piadas e trapalhadas desse enredo.

 

“Parapapá! Circo Musical” não só recebeu a indicação para melhor espetáculo infantil, como mais cinco, entre elas, uma para Hugo Possolo, coordenador de Projetos Especiais da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, indicado como melhor diretor e outra, de melhor ator, para Raul Barretto, coordenador do Curso de Humor da Escola.

 

Em 1991, o grupo Parlapatões começou a apresentar números circenses “passando o chapéu”. Aos poucos, os números ganharam uma forma teatral que gerou os dois primeiros espetáculos: “Nada de Novo” e “Bem Debaixo do Nariz”. A companhia então abriu caminho para uma pesquisa de linguagem que une o Circo ao Teatro e elementos típicos de atuação na rua. Em 1992, o espetáculo “Parlapatões, Patifes e Paspalhões”, que deu nome ao grupo, foi a primeira tentativa de juntar estes elementos dentro da sala de espetáculo.
 
 
Em parceria com o grupo Pia Fraus, os Parlapatões inauguraram sua lona, o Circo Roda Brasil. Lançado em 2006 o circo tem o objetivo de renovar o conceito da atividade circense. Em 11 de setembro do mesmo ano, iniciaram as atividades do Espaço Parlapatões, localizado no centro de São Paulo, na Praça Roosevelt. Hoje, o espaço recebe mais de 40 espetáculos por ano, entre peças dos Parlapatões e de grupos convidados. Além de promover eventos como “Palhaçada Geral”; “Festival de Cenas Cômicas”; “Bonecos no Palco”; “Cenas de Um Minuto”; “Mostra de Solos”; “Poesia Falada” e “Farsas de Natal”.
 
 
 
O prêmio Femsa é o único da América Latina voltado exclusivamente para o segmento infantil e jovem. Atualmente, conta com 17 categorias e a cada edição apresenta novidades aos participantes e ao público. A Mostra do Prêmio Femsa de Teatro Infantil e Jovem, tem como objetivo expor os espetáculos indicados ao Prêmio e criar uma expectativa positiva na classe teatral por meio da divulgação e da oportunidade de proporcionar ao público assistir gratuitamente aos espetáculos infantis e jovens.
 
 
 
A divulgação dos finalistas que disputarão a 18º Prêmio Femsa de Teatro Infantil e Jovem acontecerá em março de 2011. 
 
 
 
Confira todos os indicados:
 
 
AUTOR DE TEXTO ORIGINAL
Solange Dias – “Amazônia Adentro”
 
 
AUTOR DE TEXTO ADAPTADO
Ângelo Brandini – “O Bobo do Rei”
Sidnei Caria – “Rabisco, um Cachorro Perfeito”
 
 
DIRETOR
Alonso Barros – “Meu Amigo, Charlie Brown”
Hugo Possolo e Henrique Stroeter – “Parapapá”
Ângelo Brandini – “O Bobo do Rei”
Sidnei Caria – “Rabisco, um Cachorro Perfeito”
 
 
CENÓGRAFO
Chriz Aisner e Nilton Aisner – “Meu Amigo, Charlie Brown”
Marisa Rebollo – “Amazônia Adentro”
Marco Lima – “O Bobo do Rei”
William Zarella Jr. – “O Astronauta”
 
 
FIGURINO
Ana Luisa Lacombe – “As Aventuras de Pepino”
Christiane Galvan – “O Bobo do Rei”
Marina Reis – “O Astronauta”
Hugo Possolo – “Parapapá”
 
 
ILUMINAÇÃO
Paulo Cesar Medeiros – “Meu Amigo, Charlie Brown”
Camila Andrade – “Amazônia Adentro”
 
 
MÚSICA ORIGINALMENTE COMPOSTA
Fernando Eschrich – “O Bobo do Rei”
Dr. Morris e Daniel Maia – “Rabisco, um Cachorro Perfeito”
Fabio Freire – “Amazônia Adentro”
Claudia Dorei – “O Astronauta”
 
 
TRILHA SONORA
Fabiano Assis, Renata Flaiban e Guilherme Maximiano – “As Aventuras de Pepino”
Hugo Possolo e Alexandre Daloia – “Parapapá”
 
 
MELHOR ATOR
Fabiano Assis – “As Aventuras de Pepino”
Leandro Luna – “Meu Amigo, Charlie Brrown”
Davi Taiu – “O Bobo do Rei”
Raul Barretto – “Parapapá”
 
 
MELHOR ATOR COADJUVANTE
Fred Silveira – “Meu Amigo, Charlie Brown”
Paulo Loureiro Jr. – “O Astronauta”
Val Pires – “O Bobo do Rei”
Anderson Spada – “O Bobo do Rei”
 
 
MELHOR ATRIZ
Priscila Harder – “Amazônia Adentro”
 
 
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Carol Bezerra – “Grandes Pequeninos”
Paula Capovilla – “Meu Amigo, Charlie Brown”
Mariana Elisabetsky – “Meu Amigo, Charlie Brown”
 
 
REVELAÇÃO
Tereza Gontijo – “O Bobo do Rei”
 
 
CATEGORIA ESPECIAL
“Amazônia Adentro” – Pelo trabalho elaborado de pesquisa das lendas Ribeirinhas
“Rabisco, um Cachorro Perfeito” – Pelo uso de técnicas como o Puppet Toy Animation e vídeo-cenário.
 
 
MELHOR PRODUÇÃO
Ricco Antony – “Meu Amigo, Charlie Brown”
Parlapatões – “Parapapá”
Maracujá – Laboratório de Artes e Pia Fraus – “Rabisco, um Cachorro Perfeito”
Substância Produções Artísticas – “O Astronauta”
 
 
MELHOR ESPETÁCULO INFANTIL
“Amazônia Adentro”
“O Bobo do Rei”
“Rabisco, um Cachorro Perfeito”
“Parapapá”
 
 
MELHOR ESPETÁCULO JOVEM
“Meu Amigo, Charlie Brown”