O Adeus a Cleyde Yáconis

Publicado em: 15/04/2013

Paixão à primeira vista, amor inato. Nada disso. Ela achava tudo aquilo “uma grande bobagem”. Era assim que Cleyde Yáconis definia seu primeiro sentimento pelo teatro. A atriz morreu na noite de hoje (15), aos 89 anos, no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde estava internada desde outubro de 2012. Irmã da mítica Cacilda Becker, dizia que nunca havia imaginado ser atriz. Queria era ser médica. Ela costumava contar que se recordava de observar a irmã se transformando em outras pessoas, e não compreendia a importância e a grandiosidade daquilo. 
 
Cleyde Yáconis: 89 anos, 72 personagens, sendo 33 em televisão, oito em cinema e 34 no teatro 

Pouca gente sabe, mas Cleyde Yáconis não iniciou sua carreira nos palcos de teatro, e sim na coxia. Sua entrada para o Teatro Brasileiro de Comédia (TBC) aconteceu em 1948, no cargo de produtora de figurino da companhia, como escreveu Alberto Guzik em seu livro, “TBC: Crônica de Um Sonho” (Editora: Perspectiva).

 
Mas o “acaso” deu uma mãozinha para que a estrela encontrasse seu caminho. Sua estreia como atriz aconteceu dois anos depois, em 1950. E foi meio que sem querer… Ela foi escalada para substituir, às pressas, a atriz Nydia Licia, subitamente adoentada, na peça “O Anjo de Pedra”, de Tennessee Williams, com direção de Luciano Salce. A partir daí, Cleyde Yáconis se tornaria uma das atrizes mais empenhadas da companhia. Aos 89 anos, contabilizava 72 personagens, sendo 33 em televisão, oito em cinema e 34 no teatro. Nada mal para quem “meio que por acaso”, se tornou uma das maiores atrizes do País.

O corpo da atriz será velado, nesta terça-feira (16), no distrito de Jordanésia, município de Cajamar, Grande São Paulo, onde será enterrado. O palco brasileiro está de luto.

 

Texto: Majô Levenstein

 

Relacionadas:

Uncategorised | 16/ 12/ 2021

16 de dezembro é dia do Teatro Amador: Conheça mais sobre essa importante prática cultural brasileira!

SAIBA MAIS

Notícias | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Notícias | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS