Letícia Sabatella e Paulo Celestino recitam falas do filme ‘Hiroshima Meu Amor’

Publicado em: 14/07/2016

Cena de “Hiroshima, Meu Amor”, de Alain Resnais
 
Os belos diálogos do filme “Hiroshima, Meu Amor” (1959), do cineasta francês Alain Resnais, são recitados ao vivo por Letícia Sabatella e Paulo Celestino no experimento cênico “Hiroshima Meu Amor Falado ao Vivo”, com direção de Luiz Fernando Marques, o Lubi, do Grupo XIX de Teatro.
 
Enquanto o longa-metragem é projetado sem som, os atores criam uma nova encenação que dialoga com a obra, respeitando sempre a duração e o texto originais. Eles são acompanhados pela trilha sonora executada ao vivo por Natália Nery e Edmilson Nery.
 
A película de Resnais narra o encontro entre uma atriz francesa casada (Emmanuelle Riva), que foi a Hiroshima trabalhar em um filme sobre a paz, e um arquiteto japonês (Eiji Okada), cuja esposa está viajando. Nos dois dias que passam juntos, eles se lembram de pessoas e momentos que marcaram suas vidas e sofrem pela chegada iminente da partida dela.
 
“Estou super encantado com este trabalho, pela mistura de linguagens, pela sensibilidade dos artistas envolvidos, por poder trabalhar os sentidos de cada palavra do roteiro de Marguerite Duras e por trazer à tona uma personagem feminina tão forte, tão à frente de seu tempo, contaminada pela metáfora tão profunda que coloca o amor e a guerra lado a lado”, comenta Lubi.
 
O elenco participa de um bate-papo gratuito com o público na quarta-feira, dia 20 de julho, às 19h, no auditório do Sesc Pompéia. Os ingressos são distribuídos uma hora antes da conversa.
 
O experimento faz parte do projeto “Cinema Falado”, que ainda conta com um bate-papo sobre o documentário “Jogo de Cena”, de Eduardo Coutinho, com Aleta Gomes, Andrea Beltrão, Cristiana Grumbach e Inácio Araújo; o minicurso “A Voz no Cinema”, com Pedro Maciel Guimarães; e a oficina ‘Qual o lugar do ator no cinema, com Amanda Gabriel.
 
 
Serviço
“Hiroshima Meu Amor Falado ao Vivo”
Sesc Pompeia
Rua Clélia, 93, Pompeia. (11) 3871-7700
Estreia 15/7. Sex. e Sáb., 21h, e Dom., 19h. Até 17/7
R$30. 90 min. 14 anos.
 

 




Relacionadas:

Notícias | 21/ 01/ 2022

Agenda Cultural : As melhores dicas para o seu fim de semana

SAIBA MAIS

Notícias | 21/ 01/ 2022

Estudantes de humor da SP mergulham em curiosa e divertida experiência cênica audiovisual; confira!

SAIBA MAIS

Notícias | 21/ 01/ 2022

No mês da visibilidade trans, Coletiva Profanas, com o apoio do Satyros, promove espetáculo de transdramaturgia na casa de cultura do Butantã

SAIBA MAIS