Leituras Encenadas

Publicado em: 05/06/2013

(Foto: Arquivo SP Escola de Teatro)

 

É caminho do Metrô, nas ruas agitadas, luzes ofuscam os olhos e centenas de pessoas se acotovelam, rumando rápida e freneticamente a seus respectivos destinos. No centro dessa tormenta está um músico e seu instrumento. Sozinho na multidão, ele faz o que sabe fazer e espera pelo reconhecimento, que pode vir em forma de moedas, um aceno ou um simples olhar. O que nem sempre – ou quase nunca – acontece, deixando sonhos e expectativas arruinados e exigindo uma reconciliação com seu próprio interior.

 

Isso é, basicamente, o que acontece em “O Homem da Guitarra”, peça do dramaturgo norueguês Jon Fosse. Esse texto foi lido anteontem (2), no projeto de leituras encenadas que acontece nas noites de segunda-feira na SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco.

 

Trata-se de um exercício que ganha vida no curso de Direção, em uma iniciativa liderada pelo coordenador, Rodolfo García Vázqueze pela formadora, Bernadeth Alves. “A proposta é que os aprendizes aprofundem o contato com a dramaturgia contemporânea. São autores reconhecidos em todo o mundo, alguns até inéditos no Brasil”, afirma a formadora, que é responsável pela orientação do trabalho. Toda a empreitada, da direção à luz, fica a cargo dos aprendizes.

 

Os aprendizes do Módulo Azul, Denis Henrique, Talita Rosa e Eder Bastos foram responsáveis pela direção desse texto, que contou com a participação do aprendiz de Humor Alexandre Zampieri. Naquela noite, os aprendizes do Módulo Verde também realizaram a sua leitura encenada, outro texto de Jon Fosse, chamado “O Nome”.

 

A leitura da peça sobre o músico de rua estampa a seção Click! desta semana. Na fotografia, o aprendiz Zampieri, que faz o protagonista, aparece empunhando seu violão, enquanto olha para a projeção que joga imagens rápidas das ruas que abrigam o mendigo. 

 

Na próxima segunda-feira (10), entra em cena a última edição deste exercício, que é aberto ao público e com entrada gratuita. Veja, abaixo, as peças que serão lidas e os aprendizes responsáveis por dirigi-las. 

 

 

 

Ficha técnica do exercício de 10 de junho:

Grupo do Módulo Azul (19h)

Texto: “Cidade Despida”, de René Pollesch

Aprendizes: Cibelly Andrade Augusto, Luisa Juppe, Maria Carolina e Reinol Sotolongo

 

Grupo do Módulo Verde (21h)

Texto: “À Procura de Emprego”, de Michel Vinaver

Aprendizes: Gustavo Guimarães Gonçalves, Nara Eliza Marques e Rachel Seixas Busse Mattos Xavier

 

 

Serviço

Exercício de leituras cênicas do curso de Direção

Quando: Segunda-feira (10), às 19h 

Onde: SP Escola de Teatro – Sede Roosevelt

Praça Roosevelt, 210 – Consolação

Tel.: (11) 3775-8600

Grátis

 

Texto: Felipe Del

Relacionadas:

Notícias | 03/ 11/ 2021

Danilo Dal Lago, artista egresso da SP, estreia peça que contrapõe escritor periférico e mercado editorial

SAIBA MAIS

Notícias | 28/ 10/ 2021

Maria Bonomi inaugura obra no Memorial da América Latina que homenageia vítimas da pandemia

SAIBA MAIS

Uncategorised | 01/ 10/ 2021

Festival Satyricine Bijou anuncia vencedores da mostra competitiva e homenageia a atriz e cineasta Helena Ignez

SAIBA MAIS