EN | ES

Estreia de instalação de Janaína Leite no Itaú Cultural reúne artes cênicas, visuais e vivência em 3D

Publicado em: 01/03/2024 |

Deeper conta com instalações imersivas que misturam realidade virtual e teatro. - Crédito: Vic Von Poser

Deeper conta com instalações imersivas que misturam realidade virtual e teatro. | Foto: Vic Von Poser

Pensar em como a realidade virtual pode ser incorporada ao campo artístico foi uma das ideias que inspirou a diretora Janaína Leite em seu novo trabalho, “Deeper”. Trata-se de uma instalação com codireção de Ultra Martini e concebida em parceria com a artista visual Leandra Espírito Santo que propicia uma experiência imersiva híbrida, mesclando a presença física e uma vivência 3D completamente digital. A obra faz sua estreia no Itaú Cultural (Av. Paulista, 149), com sessões a cada trinta minutos, a partir das 11h, entre os dias 5 e 10 de março de 2024.
A partir desse tripé, artes cênicas, artes visuais e tecnologia, a obra transita entre os territórios da loucura, do sonho e da morte, sejam nas suas dimensões acidentais, sejam induzidos a partir dos estudos sobre psicodelia. Esses estados revelam uma extensa plasticidade do que hoje entendemos por consciência e parece ressoar também na investigação sobre as tecnologias utilizadas na realidade virtual.
O mundo digital está cada vez mais intensamente presente nas nossas vidas e gera mudanças significativas na subjetividade humana, já que as fronteiras entre o mundo físico e o virtual estão sendo borradas.
“O que nos interessa é a possibilidade de pensar a ‘dissociação’ como paradigma de subjetivação do qual ainda não podemos prever as consequências: uma vida entre mundos, entre a realidade e a ficção, entre a pessoa e as suas representações virtuais através de seus avatares. Tudo isso parece ser um campo fértil para as linguagens artísticas em suas múltiplas hibridizações”, explica Janaína no projeto.
Sinopse
“Deeper” é uma experiência imersiva que une arte e realidade 3D, para explorar e questionar o corpo e a consciência em situações limite. Os territórios da loucura, do sexo, da psicodelia e da proximidade com a morte, mostram uma extensa plasticidade do que hoje entendemos por consciência humana, o que acontece também na investigação sobre as tecnologias que utilizam a realidade virtual. O projeto lança hipóteses sobre uma nova linguagem, que tem na dissociação entre corpo físico e corpo virtual, espaço real e espaço digital, potencialidades inexploradas. A experiência acontece principalmente através de óculos 3D e conta com instalação da artista visual Leandra Espírito Santo.
Ficha técnica
Concepção, direção e pesquisa – Janaina Leite
Codireção e concepção sonora – Ultra Martini
Dramaturgia – André Medeiros Martins, Janaina Leite, Lara Duarte, Ultra Martini
Texto – Lara Duarte
Gravação e edição de vídeo – Vic Von Poser
Assistência audiovisual – Júlia Rô, André Voulgaris, Matheus Brant
Música original e desenho de som – Renato Navarro
Dramaturgue – Rafael Steinhauser
Criações audiovisuais com inteligência artificial – Flávio Barollo
Projeto “Fetiches” – de André Medeiros Martins
Performers – Acácio Abreu, Bel Six, Carlos Jordão, David Medrado, Dom Barbudo, Fernando Brutto, Georgia Vitrilis, Imacullado, Joe, Pamkada, Pombo Morcego, Darktitah
Suspensão corporal – Darktitah, Pombo Morcego e Pamkada
Equipe anitya.space
Conrado Andrade – líder de desenvolvimento
Vitor Milagres – designer 3D e visualidade
Miguel Medeiros – designer 3D
Kelso Fujimoto – designer de jogos
Pedro Jardim – coordenação geral
Instalação “Cena Oca #1”
Concepção e realização – Leandra Espírito Santo
Assistente artístico e projeto 3D – Francisco Soares
Desenho de luz e sistema de câmera de segurança – Marcus Vinícius
Consultoria e Coordenação Técnica VR – Robson Catalunha
Assessoria de imprensa – Canal Aberto – Márcia Marques, Daniele Valério e Flávia Fontes Oliveira
Designer gráfico – Samuel Alves de Jesus
Produção – Corpo Rastreado – Ariane Cuminale, Gabi Gonçalves e Fernando Pivotto
Colaboração – André Fischer, Lucas Maximiano, Rodrigo Salles, Rui Afonso, Gabriel Saito.
Núcleo de pesquisa “Fundo” – Ery Gabixi Caozito Baesse, Lívia Machado,
Lucas Guilherme Sollar, Lucas Miyazaki, Thais Della Costa, Robs Wagner, Caíque Andreotti e Felipe Thaça
Palestrantes: Lyara Oliveira e Zaika dos Santos
Plataforma de experiência imersiva 3D – anitya.space
Realização – Itaú Cultural
Produção – Corpo Rastreado
Co-Produção – Olhares Instituto Cultural – Fernando Braun
Apoio – Edinburgh Fringe Festival, Voices From The South, Fundação Teatro a Mil e Festival Mix Brasil
Agradecimentos: Casa da Xiclet, EBAC Online, Grupo XIX de Teatro
Serviço
De 5 a 10 de março de 2024
Horários das sessões:
Dia 5: às 11h, 11h30, 12h, 15h, 15h30, 16h, 19h, 19h30, 20h
Dia 6: às 11h, 11h30, 12h, 19h, 19h30, 20h
Dia 7: às 11h, 11h30, 12h, 15h, 15h30, 16h, 19h, 19h30, 20h
Dia 8: às 15h, 15h30, 16h, 19h, 19h30, 20h
Dia 9: às 12h, 15h, 15h30, 16h, 19h, 19h30, 20h
Lotação: 10 lugares por sessão
* Este trabalho faz uso de óculos de realidade virtual. Certifique-se de que você não tem nenhuma restrição quanto ao uso deste dispositivo. Não recomendado para pessoas com labirintite.
Classificação indicativa: 18 anos
Duração: até 60 minutos
Entrada gratuita: retirada de ingressos presencial, mediante comprovação de 18 anos. As bilheterias estarão abertas 1h antes de cada sessão.
Itaú Cultural – Sala Multiuso – 2º andar
Avenida Paulista, 149, próximo à estação Brigadeiro do metrô
De terça-feira a sábado, das 11h às 20h. Domingos e feriados 11h às 19h
Informações: pelo telefone (11) 2168.1777 e wapp (11) 9 6383 1663



Relacionadas:

Notícias | 17/ 06/ 2024

“Subterrânea: uma fábula grotesca”, de Juliana Birchal, reflete sobre as funções da mulher em uma sociedade conservadora

SAIBA MAIS

Notícias | 17/ 06/ 2024

Estudantes de Sonoplastia promovem um audiotour neste sábado (22) pelas ruas de São Paulo

SAIBA MAIS

Notícias | 17/ 06/ 2024

SP Escola de Teatro promove oficinas na Casa 1, centro de acolhida LGBTQIA+

SAIBA MAIS