E Disse Milton Santos…

Publicado em: 10/08/2012

Sob a tenda instalada no pátio, vozes animadas e abraços fervorosos. Os aprendizes não escondiam a alegria de rever os colegas. Após duas semanas de férias, na quarta-feira (8), eles retornaram aos estudos na SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco.

 
“Eu sei que vocês têm muito o que conversar, mas vamos dar início aos trabalhos?”, dizia o coordenador pedagógico Joaquim Gama. “Vamos apresentar o Módulo Vermelho e o que estruturamos para este semestre”, completava.
 
Assim, explicou como serão desenvolvidas as atividades e apresentou a equipe de coordenadores, formadores, artistas residentes e convidados.
 
O material disparador do Módulo Vermelho foi a epígrafe do geógrafo Milton Santos, no livro “Por Uma Outra Globalização”: “O mundo é formado não apenas pelo que já existe, mas pelo que pode efetivamente existir”. Gama afirmou que a frase iniciará as investigações cênicas. “A partir dela, os aprendizes vão se organizar em núcleos, para decidir o eixo temático e o material de trabalho escolhido”, pontuou.
 
Ao todo, são dez núcleos, orientados por formadores e convidados. Depois de estruturados, os grupos receberão especialistas de áreas como Filosofia, Geopolítica, Antropologia e Psicanálise para dialogar a respeito do trabalho de Milton Santos. “A oportunidade de conhecer o pensamento de um antropólogo ou psicanalista sobre a obra ‘Por Um Outra Globalização’ vai conceder ainda mais material para os aprendizes nessa etapa”, disse Gama.
 
Ontem (9) à tarde, os aprendizes assistiram ao documentário de Silvio Tendler, que leva o mesmo nome do livro de Milton Santos, e estudaram o capítulo no qual está a epigrafe do geógrafo. No próximo passo, os núcleos vão definir pautas de trabalho e aprofundar as questões.
 
 
Texto: Leandro Nunes