Diversão e Cultura em um Só Território

Publicado em: 18/08/2011

Neste sábado (20), na sede da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco, vai ocorrer o primeiro Território Cultural do segundo semestre de 2011. Apresentações musicais, oficinas práticas, visita ao Museu Afro Brasil e leituras dramáticas são só algumas das atividades que serão realizadas durante o evento.

 

Ao todo, serão 13 atrações que misturam entretenimento e cultura. No período matutino, logo às 9h, Fernando Azambuja, aprendiz de Iluminação do Módulo Vermelho, conta como foi sua experiência no encontro da CUE ETC – evento de iluminação que ocorreu em Madison, nos Estados Unidos, em julho deste ano. 

 

Fernando foi contemplado com a Bolsa Estímulo, do programa Kairós, para viajar até o local e participar de um dos maiores eventos da área. Na apresentação, ele fará uma descrição da viagem, por meio de palestras, fotos e materiais. 

 

Em paralelo, a atriz, dançarina e cantora Andrea Soares e o compositor Leandro Medina propõem uma atividade teórico/prática, na qual vão trabalhar baseados na formação do povo brasileiro e de que maneira isso influencia a arte popular tradicional. 

 

Ainda no mesmo horário, aprendizes de Direção do Módulo Amarelo farão leituras dramáticas das peças “A Decisão”, de Bertold Brecht, e “Mauser”, de Heiner Muller. Haverá 50 vagas para assistir à leitura, que terá duração de quatro horas.

 

O encontro mais esperado do dia será entre os aprendizes proponentes dos projetos do Edital Bolsa Estímulo do Módulo Vermelho e integrantes da comissão selecionadora. A atividade ocorrerá às 9h.

 

A consultora Ana Paula Galvão ministrará uma palestra cujo tema é “Produção Cultural: O que é? Como fazer?” Ana Paula é graduada em Relações Públicas e especializada em Gestão Cultural e Elaboração de Eventos, pela Universidade de São Paulo (USP).

 

Maurício Maas, integrante do Barbatuques, promove uma oficina prática. O objetivo é transmitir ao público algumas técnicas de percussão corporal. O workshop terá quatro horas de duração.

 

Às 10h em ponto, um ônibus sairá da Escola rumo ao Parque do Ibirapuera para fazer uma visita ao Museu Afro Brasil. Ali estão expostas mais de cinco mil obras entre pinturas, esculturas, gravuras, fotografias, documentos e peças etnológicas que retratam o universo cultural africano e afro-brasileiro.

 

Na última atividade da manhã, no mesmo horário, aprendizes de Sonoplastia vão exibir composições de autoria própria, baseadas no livro “Memórias Sentimentais de João Miramar”, de Oswald de Andrade. A apresentação será ao vivo e terá duração de três horas.

 

Depois de uma breve parada para o almoço, continuam as atrações do Território Cultural. Às 14h30, o público deve se preparar para uma visita ao subsolo do Masp, para acompanhar uma exposição de arte urbana contemporânea. Atenção: Apenas 70 vagas estão disponíveis para conhecer a mostra.

 

Também às 14h30, com a proposta de enriquecer o repertório do ator, a atriz Marlene Fortuna comanda o exercício “O Ator Camaleônico”, que promove a diversificação física, vocal e emocional. 

 

Ainda neste horário, o ator e músico Maurício Maas volta a ministrar a oficina prática. Dessa vez, o objetivo é proporcionar aos participantes a exploração dos sons que o corpo produz: palmas, estalos, batidas, sapateados, recursos vocais, entre outros. A partir disso, o orientador propõe a utilização deles na produção de ritmos e melodias.

 

Os convidados Hugo Possolo, Rodrigo Matheus, Marcos Teixeira e Val de Carvalho participarão da Mesa de Discussão “O Circo – A Velha Nova Arte”. Para participar do encontro, que terá início às 14h30, 80 vagas estão disponíveis.

 

Às 15h30, Juliana Jardim coordena o pessoal de Humor, do Módulo Amarelo, no exercício “Do Texto ao Jogo”, no qual aprendizes apresentam cenas baseadas no conto “Do Diário de um Auxiliar de Guarda-livros”. 

 

 

Texto: Jéssika Lopes