Dinne Queiroz, artista egressa da SP, assina documentário online sobre grupos teatrais de Manaus

Publicado em: 04/11/2021

Dinne Queiroz e sua equipe/ Divulgação

Dinne Queiroz, artista egressa de direção da SP Escola de Teatro, dirige e assina o roteiro dos minidocumentários TEATRO.DOC, projeto também idealizado por ela, divulgados às sextas-feiras pelo canal do Youtube Teatro na Rede.

Um dos objetivos da inciativa é trazer à luz o teatro desenvolvido na região norte do Brasil, em especial na cidade de Manaus. Para isso foram escolhidos oito grupos teatrais locais, dos quais o público conhecerá a trajetória.

Dinne Queiroz é manauara, bacharel em teatro pela UEA (Universidade do Estado do Amazonas), mestranda em Artes Cênicas pela ECA-USP e especialista em direção teatral. Seu contato com o teatro se iniciou cedo, e aos 10 anos já atuava em companhias teatrais de sua cidade natal. Em 2014, mudou-se para São Paulo, quando começou a atuar também em grupos paulistas e se aperfeiçoou nas artes cênicas. Atualmente, ela atua nas áreas de atuação, direção, treinamento de atores, arte educação e no universo da pesquisa acadêmica, além de gerir um canal no Youtube com conteúdos teóricos sobre teatro nacional e especificamente nortista.

Inscrições abertas para o curso online e gratuito Olhares: poéticas críticas e escrita criativa sobre teatro

“Fazer arte no Norte do país envolve muitas particularidades e continuar fazendo em uma cidade atingida de modo brutal pela pandemia foi extremamente desafiador para todos”, afirma a diretora.

Cada episódio documental do TEATRO.DOC possui cerca de 25 minutos nos quais acompanhamos o trabalho dos seguintes grupos: a Cia de Teatro Metamorfose, A RÃ QI RI, Ateliê 23, INTERARTE, GRUTEC, Soufflé de Bodô Company, Projeto Arte e a Comunidade e Grupo Criatê. Estes grupos produzem arte há muito tempo, são tradicionais na região, e resistiram ativamente durante a pandemia. O que esses artistas enfrentaram foi a necessidade de reinvenção: com quais meios e estratégias pode-se fazer arte no meio urbano?

“Os documentários seguem um roteiro estruturado para que o público possa acompanhar e conhecer o percurso artístico dos trabalhos desenvolvidos na cidade.” Pontua Dinne. “Queremos apresentar ao público o cenário teatral de Manaus por meio dos trabalhos dos grupos e da produção atual em diferentes localidades, do centro às zonas periféricas, formando assim um panorama da resistência teatral de Manaus”.

O projeto foi contemplado pelo Programa de Cultura Criativa 2020 da Lei Aldir Blanc, pelo prêmio Feliciano Lana do Governo do Estado do Amazonas do Governo Federal. A realização foi do Canal Teatro na Rede que dentre seu guarda-chuva cultural promove conteúdos formativos, documental, histórico e memorialístico do teatro amazonense, despertando o interesse da nova geração.




Relacionadas:

Notícias | 03/ 12/ 2021

Cia Fundo Mundo comemora o triunfo do Laboratório de criação circense para artistas LGBTQIA+: “O retorno é de bastante união!”

SAIBA MAIS

Notícias | 02/ 12/ 2021

TBT: Relembre a 1ª edição do Prêmio Arcanjo de Cultura

SAIBA MAIS

Notícias | 02/ 12/ 2021

Nota de pesar: Morre Toni Edson, formador da SP Escola de Teatro

SAIBA MAIS