Difusão Musical

Publicado em: 14/02/2011

“Utilização Sonora de Objetos e Construção de Instrumentos Musicais Alternativos”, ministrado pelo músico Paulo Afonso, estreia a grade de cursos de Difusão Cultural da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco voltados para músicos, sonoplastas e artistas interessados em som.
 

O músico Hermeto Pascoal já dizia “ralador, colher de pau, barril e peneira é tudo coisa musical” e o curso é baseado nessa ideia: um convite a ouvir mais de perto o som e detalhes que objetos ordinários produzem. “Isso reforça e relembra aos profissionais da música que o primordial em nossas atividades é ouvir. Desde que comecei a construir instrumentos, minhas possibilidades e noções sonoras se expandiram muito”, revela Afonso.
 

Dividido em dois módulos, o curso busca incentivar o participante a propor ideias para a experimentação e construção de instrumentos sonoros e musicais para, assim, despertar a apreciação e a escuta crítica de sons produzidos por objetos e materiais não originalmente feitos para sonorizar. “Evidentemente que construir instrumentos não é só juntar pedaços, você precisa ouvi-los”, explica o músico.
 

Para Afonso, a reflexão pode criar novos caminhos e isso proporciona uma virada na vida profissional. “Minha prática com construção de instrumentos surgiu da reflexão sobre a melhor forma de enriquecer a educação musical de meus alunos.
 

O curso incentiva os participantes a criar, a experimentar e servirá a diversas áreas ligadas ao som. Imagino que essas áreas estejam sempre precisando de ideias novas”, conta.
 

Durante o curso, Afonso acredita que irá estabelecer uma feliz relação de troca e de interesse entre os participantes. “Toda vez que dou um curso, ainda mais um de construção de instrumentos, aprendo muito com a percepção e ideias de meus alunos”, conclui.
 

Afonso é bacharel em Violão e Licenciado em Educação Artística com Habilitação em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio). Há 15 anos, atua como instrumentista, arranjador, compositor e educador musical. Desde 2008, desenvolve trabalho de educação musical com base na improvisação, composição e construção de instrumentos com materiais alternativos em diversos projetos sociais. Compôs trilhas sonoras para pequenos filmes de animação e peças infantis.  Atualmente, é professor de violão do Guri – Santa Marcelina e integra o Coletivo de Arte Sim, com o qual desenvolve projetos interdisciplinares de criação coletiva. 
 

O primeiro módulo do curso “Utilização Sonora de Objetos e Construção de Instrumentos Musicais Alternativos” será realizado às quartas-feiras, das 19h às 22h, com início em 16/03 e término em 04/05.
 

Para se inscrever ou conhecer saber mais sobre os cursos de Difusão Cultural clique aqui.