Curso de Direção abre a 2ª Etapa da 2ª Fase do Processo Seletivo 2011

Publicado em: 06/12/2010

Com corredores tomados apenas por candidatos ao curso de Direção, teve início hoje (6) a 2ª etapa da 2ª fase do processo seletivo 2011 da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco. 
 
Para o curso de Direção, o coordenador Rodolfo García Vázquez, optou por realizar um processo de imersão que compreende improvisações de cenas entre candidatos. Para tanto, criou grupos de quatro pessoas que dirigiram os atores Cléo De Páris, Fabio Mazzoni, Gustavo Ferreira, Juliano Casimiro e Thiago Leite, enquanto Vázquez analisava as cenas, ao lado do formador Ivan Delmanto.
 

O curso tem como enfoque preparar novos encenadores com visão crítica e ampla sobre a sociedade e o fazer teatral. As atividades práticas equiparam-se à formação teórica, equivalência incomum nas escolas de teatro, acadêmicas ou não, em todo o País. Outro fator importante é a sintonia de seus aprendizes com a prática dos demais cursos da Escola, bem como a abordagem de possibilidades de linguagens e suportes diversos, como intervenções urbanas, formas animadas, palco italiano e teatro de rua.
 

Após apresentar sua cena, Márcio Baptista Nunes da Silva, integrante da Cia. Blá Blá, apreciava o ensaio de um grupo no térreo da Escola quando revelou porque escolheu este curso.   “Meu amor pelo teatro aflorou quando assisti, pela primeira vez, a uma peça na Cia. Satyros, com direção de Vázquez. Quando vi o programa do curso e o nome do coordenador, não tive dúvidas.”
 
O ator Rafael Brandão, da Cia. do Torto, acredita que seu espírito de liderança o levou a se inscrever para o curso de Direção. “Sou ator, mas quando tive oportunidade de dirigir um espetáculo, percebi ali uma possibilidade de ganhar a vida”, revela. “Escolhi a SP Escola de Teatro por acreditar que aqui receberei uma das melhores formações do mercado”, conclui.
 
Enquanto aguardava para ser chamado, Pablo Calazans, da Cia. Ethos Teatral, explicou que a escolha por ingressar na área de direção teatral se deu por conta de seu desejo de colocar ideias em prática. “O diretor tem influência no trabalho do elenco e de todos no espetáculo. Gosto de mostrar minha arte e o que penso para as pessoas.”
 

O processo seletivo continua até sexta-feira (10). Os candidatos aos cursos de Atuação, Cenografia e Figurino, Direção, Dramaturgia, Humor, Iluminação Sonoplastia e Técnicas de Palco  devem comparecer, entre as 14h e 19h, na sede provisória da SP Escola de Teatro, localizada na Av. Rangel Pestana, 2.401, Brás, São Paulo/SP, a alguns quarteirões das estações Brás e Bresser-Mooca do Metrô, conforme o edital.

 

Para realização da Prova Específica, o candidato deverá observar as informações constantes no Edital de Abertura de Inscrições, em especial o seu Capítulo 10 – DA PRESTAÇÃO DAS PROVAS DA 2ª FASE, que se refere ao cronograma de cada curso.  

 

Também é de extrema importância que o candidato esteja no local com uma (01) hora de antecedência.  Outro detalhe importante: os candidatos devem comparecer à sede provisória da SP Escola de Teatro munidos de RG original, caneta esferográfica azul ou preta, lápis e borracha.