Confira os melhores momentos de Adélia Prado e Monja Coen na SP Escola de Teatro – Encontros Notáveis

Publicado em: 17/06/2010

Entre os 25 a 28 de Maio, a SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco realizou o projeto SP Escola de Teatro – Encontros Notáveis, com fóruns realizados com especialistas de diferentes áreas, direcionados a toda comunidade e com entrada gratuita. Para quem perdeu, a Escola disponibiliza no YouTube os melhores momentos de cada atividade. 

Nos dois primeiros vídeos, a poeta Adélia Prado e a missionária budista Monja Coen relatam suas trajetórias pessoais, os caminhos que optaram para seguir, as opções de vida, criação e trabalho: o ser humano, a arte e a sociedade.

Antes de iniciar o debate, Adélia Prado anunciou: “Eu fico muito feliz de ver o empenho do poder público em congregar pessoas para fazer teatro”. A mediação das mesas ficou a cargo do jornalista e crítico teatral Jefferson Del Rios. “Vindo para cá, o rádio do carro tocava João Gilberto, aquele clássico dele É Luxo Só. Eu pensei comigo que ‘luxo só’ é conversar com a Adélia Prado”, brinca o mediador.
No vídeo da palestra da Monja Coen, é possível acompanhar as histórias do uso de LSD e outras drogas legais e ilegais da juventude da missionária, antes de ela se dedicar ao caminho do budismo. “Durante minha caminhada, descobri o Zen Budismo. A principal frase da minha vida é ‘porque querer entrar pela janela, se você tem a porta?’. O Zen, para mim, é justamente essa porta, pois é a prática de se jogar no vazio e dar um passo a mais na vida e na morte”, conta.

Texto: Lucas Arantes