Conceito Ciborgue: Interação Entre Corpos

Publicado em: 14/11/2011

A II Trupe de Choque entra em uma nova fase de pesquisa: Material Ciborgue/Eldorado Silício 11 de Setembro. Além dos materiais trágicos do ciclo tebano “Detrito em Ensaio” – processo anterior realizado em maio deste ano –, haverá mais 44 obras dramatúrgicas a serem testadas e “colocadas em atrito”, como diz o coordenador pedagógico geral Ivan Delmanto.

 

O grupo se baseia na realidade de um mundo pós 11 de setembro e trabalha em busca do que seria uma possível experiência trágica brasileira e contemporânea. “Para essa nova etapa de investigação, na verdade, um aprofundamento e desdobramento do Material Tebas, ampliaremos a experiência do ‘Detritos em Ensaio’”, explica o coordenador.

 

Entretanto, o processo de criação ocorre, agora, em quatro etapas diferentes, totalizando um ano de ensaios abertos constantes, sempre às sextas-feiras e aos sábados, das 16h às 22h, na sede do grupo, o Caism Philippe Pinel. 

 

“A nossa primeira etapa dos Detritos do Material Ciborgue começa no dia 19 de novembro, estendendo-se até 17 de dezembro. Em 2012, a experiência continua, sempre com a abordagem de diversos materiais trágicos em busca da expressão de contradições e questões contemporâneas”, ressalta Delmanto, que também é formador do curso de Direção da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco.

 

O diferencial do grupo é a participação ativa dos observadores presentes. Em todas as etapas do processo, as pessoas são convidadas a assistir, intervir e dar ideias. Dessa forma, quebra-se o conceito de espectador e cria-se a experiência comum criativa.

 

Delmanto relata a importância dessa relação com o público, visto que a ideia de interação proposta vai ao encontro do conceito de corpo ciborgue, retratado pelo grupo. “O trabalho de pesquisa a partir do conceito de ciborgue, nesse projeto, significa ler a subjetividade ‘coisificada’ de hoje, literalmente, sob o tecido da própria pele: se o corpo ciborgue é o corpo colonizado pela forma mercadoria, invadido por inúmeras intervenções que o transformam em um produto no limiar perpétuo entre a vida e a morte, os exercícios elaborados,  a serem praticados com a participação do público, procuram trabalhar com diversas formas de acoplamento, de invasão de um corpo no outro, sejam corpos humanos, sejam tecidos corporais invadidos por objetos variados”, sintetiza.

 

Além disso, a tradutora, professora e pesquisadora teatral Maria Sílvia Betti ministrará dois seminários, que auxiliam e complementam os trabalhos do grupo: no dia 19 de novembro o tema discutido será “O Trágico em Oduvaldo Vianna Filho”; em 3 dezembro, “Tragédia Moderna e a Dramaturgia Norte-Americana”.

 

Se você tem interesse em participar do novo projeto da II Trupe de Choque, inscreva-se enviando um e-mail para o endereço 2trupedechoque@gmail.com ou ligue para (11) 6520 – 0011. Apenas 10 vagas são disponibilizadas. Haverá transporte gratuito para o público.

 

 

 

Serviço

Projeto Material Ciborgue/Eldorado Silício 11 de Setembro

Quando: de 19/11 a 3/12. Sextas-feiras* e sábados**, das 16h às 22h

Onde: Caism Phillipe Pinel

Av. Raimundo pereira de Magalhães, 5.214 (Próximo ao terminal Pirituba de ônibus e à estação Pirituba de trem)

Tel.: (11) 6520-0011

Entrada Franca

 

*Reserva para grupos

**Público em Geral

 
 
 
Texto: Jéssika Lopes