Bailarino considerado o Deus da dança moderna, Nijinsky é retratado em peça

Publicado em: 21/08/2014

Vaslav Nijinsky, bailarino e coreógrafo russo tido como o Deus da dança moderna, é retratado em “Nijinsky – Minha loucura é o amor da humanidade”, espetáculo que entra em cartaz no Sesc Belenzinho no dia 28 de agosto. Gabriela Mellão assina o texto da montagem, que dirige em parceria com João Paulo Lorenzon.

 

A peça faz um resgate poético do artista, revelando sua indestrutível fé na arte e sua inabalável obstinação artística. Assim, seus voos e também suas quedas são retratados de forma simbólica e onírica.

 

Para a encenação, o palco se transforma numa grande cama elástica. A intenção da diretora é explorar a potência imagética que este recurso pode oferecer, em consonância com o universo mental e corpóreo do bailarino. João Paulo Lorenzon, que interpreta o protagonista, dança, assim, a 3 metros do chão.

 

Quem assina a trilha sonora do trabalho é Raul Teixeira, coordenador do curso de Sonoplastia da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco.

 

Ficha técnica

Texto: Gabriela Mellão

Direção: Gabriela Mellão e João Paulo Lorenzon

Atuação: João Paulo Lorenzon, Michelle Boesche, Francisco Bretas, Janaína Afhonso e Nabia Vilela

Trilha sonora: Raul Teixeira

Desenho de luz: Fábio Retti

Preparação de dança e coreografia: Reinaldo Soares

Treinamento aéreo: Renato Marino

 

Serviço

“Nijinsky – Minha loucura é o amor da humanidade”

Quando: Quintas, sextas e sábados, às 21h30; domingos, às 18h30 (até 21/9)

Onde: Sesc Belenzinho

Rua Padre Adelino 1000 – Belém

Tel.: (11)  2076-9700

Duração: 80 minutos

Ingresso: De R$ 5 a R$ 25 (aqui)