Adaap recebe Selo da Diversidade da Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania

Publicado em: 26/11/2019

Associação dos Artistas Amigos da Praça (Adaap), organização social que gere a SP Escola de Teatro, recebeu, neste mês de novembro, o “Selo da Diversidade 2020”, concedido pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania na categoria LGBTI. O título se deve ao projeto “Programa de Empregabilidade de Trans e Travestis” e ao evento anual “SP Transvisão: Semana de Visibilidade Trans”​, ambos desenvolvidos pela Adaap.

Lançada em 2013, em uma iniciativa inédita, a SP TransVisão – Semana da Visibilidade Trans reúne debates, exposição, filme, teatro e performances. O evento é promovido pela SP Escola de Teatro, em parceria com o poder público e grupos e entidades de luta pelos direitos humanos. O objetivo do encontro é abrir mais um espaço para o debate sobre a tolerância e a diversidade. Em 2020, o SP TransVisão acontece de 27 a 31 de janeiro, com programação gratuita.

Desde o início da SP Escola de Teatro, as vagas da recepção foram destinadas exclusivamente a travestis e transsexuais. “A praça Roosevelt, berço da Escola, sempre foi um reduto de travestis e transexuais, então, dentro da nossa proposta de inclusão social, decidimos que na nossa recepção só trabalhariam transexuais, porque são pessoas que não têm muitas oportunidades de emprego”, explica Ivam Cabral, diretor executivo da SP Escola de Teatro.

No dia 10 de dezembro, dia em que se comemora o Dia Internacional dos Direitos Humanos, acontecerá uma cerimônia de premiação para todas as organizações que tiveram seus projetos reconhecidos. A lista completa da Rede do Selo 2020 está disponível no site da Secretaria.

 




Relacionadas:

Notícias | 28/ 09/ 2021

Seminário Cenas Modernas: 1922 e além tem Zé Celso entrevistado por Letícia Coura em encontro nesta quarta, 29

SAIBA MAIS

Notícias | 28/ 09/ 2021

Série Grandes Sonoplastas: Wilson Sukorski

SAIBA MAIS

Notícias | 27/ 09/ 2021

Centenário Paulo Freire: Educação como prática da liberdade, por Ueliton Alves

SAIBA MAIS