A Quadrienal de Praga, por J.C. Serroni

Publicado em: 12/02/2015

* por J.C. Serroni, especial para o portal da SP Escola de Teatro

 

A Quadrienal de Praga, conhecida por PQ, existe desde 1967 e é considerada a maior mostra de cenografia existente no mundo. Fui pela primeira vez em 1987 e essa experiência mudou a minha vida em tudo o que se relaciona com o teatro, com a cenografia, o figurino e o ensino dessas atividades no País.

 

Entre tantas e tão importantes experiências, uma me chama atenção a partir de 1995, quando recebemos o prêmio máximo desse evento, a “Golden Triga”, uma espécie de “Óscar da cenografia”, dada ao país que melhor se apresente numa mostra, hoje já composta de quase 60 países: a seção de Escolas de Cenografia. O Brasil participou dessa seção pela primeira vez naquele ano, levando à cidade de Praga uma pequena mostra de algumas instituições desse ensino. A partir daí, se apresentou sempre nessa seção, em todas as versões, tendo levado, no ano de 2011, como integrante da mostra, os trabalhos realizados por aprendizes da SP Escola de Teatro. 

 

Na versão deste ano de 2015, a SP Escola de Teatro novamente se faz presente, representada por cinco projetos realizados por grupos de aprendizes, desenvolvidos durante todo o segundo semestre de 2014.

 

Em junho de 2015, mais de duas dezenas de aprendizes irão a Praga, e poderão desfrutar, assim como eu desfrutei a partir de 1987, de todas as atividades lá programadas. Espero que, como eu, possam ser bastante estimulados, para que a cenografia na vida deles possa ter significado tão importante quanto na minha primeira ida até lá.

 

Aprendizes da SP, aproveitem!