Curso online e gratuito | Corpos Diversos – Procedimentos e jogos para a criação de uma poética diversa e modernista

Publicado em: 05/10/2021

Objetivo
O curso tem como proposta e dispositivo, jogos e procedimentos (ferramentas) de criação, integrando várias linguagens artísticas como: performance, dança, literatura, poesia, artes visuais, jogos sensórios- corporais, vivências, comicidade, humor, entre outros suportes de criação.

Orientadores: Caco Mattos (coordenador e idealizador da oficina), Mona Rikumbi, Ariadne Ântico, Estela Lapponi e Cris Muñoz.
Inscrições: 4 a 18 de outubro

Caco Mattos é ator, palhaço, diretor, performer, artista formador e pesquisador da linguagem cômica e suas dramaturgias. Tem se dedicado a investigar a intersecção entre as linguagens de dança, teatro, intervenções, performance e comicidades, aliadas a ações artístico-pedagógicas e formativas. Tradutor e pesquisador, em parceria com Carolina Gonzales do livro “Entradas clownescas: uma dramaturgia do clown”, de Tristan Rémy, lançado pela Edições Sesc São Paulo em 2016. Arte e Pessoa com Deficiência: vem atuando como artista formador, diretor, curador, consultor e mediador de ações relacionadas com a integração das pessoas com e sem deficiência nas artes, desde o ano 2000. Idealizou e mediou, em 2021, conversas virtuais, pelo Circo de Québra, com artistas com deficiência sobre: Acessibilidade e Circo com a temática: Acessibilidade Comunicacional, Arquitetônica e Atitudinal em parceria com a Secretaria da Pessoa com Deficiência. Atualmente, faz parte da equipe pedagógica do Palhaços Sem Fronteiras Brasil em parceria com Palhaços Sem Fronteiras Suécia no projeto pedagógico Diversidade e Interculturalidade e na elaboração da Apostila do Coração, com jogos e procedimentos com o objetivo de integrar a diversidade humana, crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social e emocional.

Caco Mattos, além de conduzir alguns encontros, convida para essa oficina quatro mulheres artistas – Mona Rikumbi (Ativista das questões raciais, gênero e artistas com deficiências, poeta, performer, modelo, 1° mulher negra e cadeirante a atuar no Teatro Municipal de São Paulo), Ariadne Ântico (Palhaça, atriz, produtora, palestrante, artesã e dona dos melhores movimentos involuntários já experimentados e de um jeito de andar único, charmoso, não retilíneo e fora do eixo. Pessoa com deficiência, há pouco se define ativista da causa), Estela Lapponi (Performer e videoartista paulistana. Tem como objetivo de investigação artística: o discurso do corpo com deficiência, a prática performativa e relacional (público) e o trânsito entre as linguagens visuais e cênicas) e Cris Muñoz (Atriz, palhaça e pesquisadora, e representante brasileira da IIAN – Internacional Inclusive Arts Network – onde realiza pesquisa sobre a inclusão dentro do cenário nacional das Artes Cênicas), para falarem de seus processos de criação, e a relação com a deficiência na elaboração de seus discursos cênicos, além de conduzirem alguns procedimentos artísticos (jogos e vivências).

circle Quando: 25 de outubro a 1º de dezembro de 2021
Segundas e quartas-feiras, das 19h às 22h
Local: Curso online via Zoom


INSCRIÇÕES ENCERRADAS!

Público
Acima de 18 anos. Artistas com corpos diversos e dissidentes, e artistas criadores das artes da cena e interessados no tema. O intuito é que todas as pessoas participantes experimentem múltiplas possibilidades de elaboração e criação de uma poética cênica diversa. 25 vagas

Seleção
Preencher ficha de inscrição com dados, carta de interesse e breve currículo

Cronograma das inscrições:
Inscrições: 4 a 18 de outubro
Aprovados: 21 de outubro
Matrícula online: 22 de outubro