Em Cartaz / AGENDA

FILTRAR POR:
  • Todos
  • Sala Vange Leonel
  • Sala Alberto Guzik
  • Sala Antonio Pompêo
  • Sala Hilda Hilst


Sala Alberto Guzik

Lela & Cia

A trama traz uma personagem que quer desesperadamente contar sua história. O monólogo de Lela – ironicamente interrompido por vozes masculinas – manifesta os conflitos de um mundo estilhaçado pela violência.

“Lela & Cia” é um grito, em primeiro plano, sobre o que é ser mulher; mas também é a comprovação de que, mais do que falar, é preciso ser ouvida – e fazer surgir, assim, um testemunho, que dá coerência à própria história e que tem por consequência o alívio ou o luto (possivelmente ambos).

Ficha técnica

Texto: Cordelia Lynn | Direção: Alvise Camozzi | Tradução: Malu Bierrenbach | Elenco: Malu Bierrenbach e Conrado Caputo | Direção de produção: Alexandre Brazil | Iluminação: Mirella Brandi | Trilha sonora: Dan Maia | Assessoria de imprensa: Pombo Correio | Assistência de produção e administração temporada: Vanda Dantas | Produção cultural: Joana Pegorari | Idealização: Malu Bierrenbach

circle

Onde: Sala Alberto Guzik. Unidade Roosevelt (Praça Franklin Roosevelt, 210, Consolação.

Quando: Sex., sáb. e seg., às 21h; Dom., às 18h. De 14 /9 a 14/10

Quanto: R$40, R$20 (meia) e R$10 (classe artística e estudantes da SP) - à venda na bilheteria, 1h antes da apresentação, a dinheiro e cartão de débito/crédito

Duração: 90 minutos

Quantidade de lugares: 43 lugares

Classificação: 14 anos





Sala Hilda Hilst

Bolhas

Na peça da Cia. do Sereno, mãe e filho se amam na mesma medida em que se machucam. Ela, pastora, de pensamento fundamentalista, e ele, filho único, homossexual, em processo de rompimento com a igreja. Não existe acordo. Vivem em cidades distintas há alguns anos e estão planejando um reencontro. As tensões e expectativas por esse momento se misturam a lembranças de sua conturbada relação. Em cena, ambos presentes, dialogam sem se comunicar.

A obra foi escrita em 2017, no Núcleo de Dramaturgia Sesi – British Council, ocasião em que ganhou a primeira direção de Vinícius Calderoni. Desde então, o texto tem passado por um longo processo de reescrita.

Ficha técnica:
Direção e dramaturgia: Haroldo França | Assistência de direção e preparação corporal: Valéria Lima | Elenco: Adriane Henderson e Pablo Azevedo | Produção: Haroldo França | Sonoplastia e operação de som: Valéria Lima | Figurino e maquiagem: Pablo Azevedo e Valéria Lima | Light designer: Giu Valentim | Operação de luz: Nicholas Duran | Assessoria de imprensa: Bruno Motta e Verônica Domingues (Agência Fática)

circle

Onde: Sala Hilda Hilst. Unidade Roosevelt (Praça Franklin Roosevelt, 210, Consolação)  

Quando: Sex, sáb. e seg, às 21h; dom, às 19h. De 13/9 a 14/10

Quanto: R$ 30 e R$ 15 (meia-entrada) – à venda na bilheteria do teatro uma hora antes da apresentação

Duração: 60 minutos

Quantidade de lugares: 60 lugares

Classificação: 12 anos



Nossa programação também está no SP Estado da Cultura, ferramenta disponibilizada pelo Governo do Estado de São Paulo com os eventos de todos os equipamentos culturais do estado.

Eventos passados Seta Seta

 

O site da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco está sob licença Creative Commons. A cópia e a reprodução de seu conteúdo são autorizadas para uso não-comercial, desde que citado o devido crédito ao site, aos autores e fotógrafos. Não estão incluídas nessa licença obras de terceiros.

Para reprodução com outros fins, entre em contato com a Escola.

Assisdesign