Dois cursos grátis e online de teatro com inscrições abertas na SP

Publicado em: 18/07/2021

Fernanda Amaral e Katiuska Azambuja dão cursos grátis na Extensão Cultural da SP Escola de Teatro – Fotos: Divulgação

Por Miguel Arcanjo Prado

Duas excelentes oportunidades para quem deseja ampliar seus conhecimentos no campo das artes cênicas. A Extensão Cultural da SP Escola de Teatro está com dois cursos digitais e gratuitos com inscrições abertas, com 40 vagas cada um, totalizando 80 vagas.

Gênero

O primeiro é a Oficina Caminho de Ser Mais, com a orientadora Katiuska Azambuja. Segundo ela, “a oficina partirá das linguagens do Teatro do Oprimido (Teatro Imagem e Arco-íris do Desejo) para a criação de performances solos, em interface com as ficções de gênero naturalizadas e as feridas patriarcais que a modernidade/colonialidade instauram”. Ela ainda reforça que “no processo, haverá atividades síncronas e assíncronas, descritas no material Zarabatana Poética, que será disponibilizado previamente para cada participante, preparando para o encontro online, onde serão realizadas as práticas poéticas políticas”. As aulas serão de 23 a 30 de julho, de segunda a sexta, 20h às 23h, via Zoom, para maiores de 18 anos, com 40 vagas. O público alvo são pessoas com ou sem experiência teatral, com interesse no Teatro do Oprimido e Debates de Gênero. Faça sua inscrição!

Acessibilidade

Outro curso que está com inscrições abertas é Corpo – Casa – Cidade: O encontro da diversidade na arte digital, com a orientadora Fernanda Amaral, do Dança Sem Fronteiras. De acordo com a artista, “este curso tem como objetivo proporcionar a todos os participantes a oportunidade de vivenciar técnicas de improvisação para dança, princípios da metodologia do DanceAbility e da Cia Dança sem Fronteiras, para assim criar relações com a casa, o corpo e as telas, realizando pequenos vídeos danças explorando a dança-teatro para criações que acolhem a diversidade dos intérpretes”. As aulas serão de 2 de agosto a 1º de setembro, segundas e quartas, de 13h às 16h, via Zoom, para maiores de 18 anos, com 40 vagas. O público alvo são atores, educadores, bailarinos, artistas com e sem deficiência. Faça sua inscrição!

Saiba mais sobre as orientadoras

Katiuska Azambuja é artista-pesquisadora, articula Teatro e Sociologia pesquisando poéticas decoloniais. Criou a Abiyay Solo Multiarte em 2020, plataforma síntese de suas criações multiartísticas. Tem experiência como atriz, diretora, iluminadora, produtora e videomaker. Possui Especialização em Gestão Cultural pelo Senac-SP (2019), é filiada à Associação Brasileira de Artes Cênicas (ABRACE) e à Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS). Graduada em Ciências Sociais, pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS, 2012). A atriz ainda está em cartaz na SP Escola de Teatro Digital com a peça Agulhas, cuja temática é a ancestralidade das mulheres e o combate às opressões de gênero. Faça sua inscrição!

Fernanda Amaral é bailarina, coreógrafa e educadora com 30 anos de experiência profissional. Possui vários títulos internacionais em dança e teatro, incluindo vários certificados em DanceAbility. Recebeu vários prêmios: Bonnie Bird 2009 pelo Centro Laban em Londres, Arts Council no País de Gales e Lisa Ulman, entre outros. Em 1993 fundou Patuá Dance Companhia de Dança-Teatro, em 2005 a Patuá DanceAbility, ambas no País de Gales, e em 2010 criou a Dança sem Fronteiras no Brasil. Faça sua inscrição!

Colaborou Marie Ikonomidis

*Miguel Arcanjo Prado é Coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro. Jornalista formado pela UFMG, é especialista em Mídia, Informação e Cultura pela ECA-USP e mestre em Artes pela UNESP. É crítico da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), da qual foi vice-presidente. Dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo de Cultura, além de fazer o Podcast do Arcanjo. @miguel.arcanjo