Artista negro pioneiro, João Acaiabe revê meio século de carreira no palco digital

Publicado em: 15/10/2020

Por Miguel Arcanjo Prado

João Acaiabe é importante nome pioneiro das nossas artes cênicas que merece efusivos aplausos de todos nós. Ator negro que é grande referência na TV, no teatro e no cinema, o artista celebra 50 anos de carreira.

Por isso, foi uma honra quando ele aceitou nosso convite para fazer uma apresentação especial neste sábado (17), às 20h, na SP Escola de Teatro Digital. Os ingressos já estão disponíveis.

Há uma cota de entradas gratuitas para pessoas em situação de vulnerabilidade social e ainda ingressos conscientes a R$ 12,50, renda que será revertida ao artista.

Em João Acaiabe – Histórias, Música e Poesia, o ícone se une ao virtuoso músico Domingos Sávio para passear por suas memórias afetivas e revelar detalhes de sua trajetória desbravadora de caminhos e repleta de representatividade.

Acaiabe faz parte de nosso inconsciente coletivo e integra as memórias de infância de múltiplas gerações, já que foi o Tio Chico de Chiquititas e o Tio Barnabé do Sítio do Picapau Amarelo.

Nascido na cidade paulista de Espírito Santo do Pinhal em 14 de maio de 1944, o artista atualmente com 76 anos de vida começou como locutor em sua cidade natal. Na TV Cultura, fez história contando histórias no Bambalalão, programa clássico na virada das décadas de 1970 e 1980.

Na Globo, esteve em minisséries como Tenda dos Milagres e Dona Flor e Seus Dois Maridos, ambas inspiradas na obra de Jorge Amado, e em novelas como Eterna Magia e Segundo Sol.

No roteiro do espetáculo com produção de Giovana Gallucci, ele promete poemas que tocam temas como a negritude, o amor e questionamentos sobre a vida, além de recordar trechos de espetáculos ao longo de meio século de trajetória artística.

Não é pra qualquer um. Imperdível!

Mais peças no palco digital da SP

O fim de semana na SP Escola de Teatro Digital ainda tem a peça Novos Normais, da Cia. de Teatro Os Satyros, na sexta (16), às 20h. A obra de Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez discute a sexualidade em tempos de confinamento.

Já no sábado (17), às 16h, para toda a família, tem a vivência afro literária para crianças Brincando em Casa, com o projeto Brincando na Kebrada, que anda fazendo bonito no distrito paulistano Ermelino Matarazzo.

Os ingressos já podem ser retirados!

 

O site da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco está sob licença Creative Commons. A cópia e a reprodução de seu conteúdo são autorizadas para uso não-comercial, desde que citado o devido crédito ao site, aos autores e fotógrafos. Não estão incluídas nessa licença obras de terceiros.

Para reprodução com outros fins, entre em contato com a Escola.

Assisdesign