O Nome das Coisas

Publicado em: 06/08/2019

Em comemoração ao centenário de nascimento da portuguesa Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004), primeira mulher vencedora do Prêmio Camões (principal honraria concedida a um escritor em língua portuguesa), feito ocorrido há 20 anos, a Cia. dos Infames e a Cia. Dramática em Exercício apresentam na unidade Roosevelt o espetáculo “O Nome das Coisas”. 

Em cartaz entre 5 de julho e 5 de agosto, a peça coloca em cena uma mulher, também escritora, que usa o silêncio da madrugada para imaginar e dar vida aos personagens que lhe surgem no ar, entremeando a narrativa com passagens biográficas da protagonista da história. O texto dramatúrgico, assinado por Henrique Zanoni, diretor do espetáculo, é inspirado em contos, poemas e reflexões de Andresen – considerada uns dos maiores nomes da poesia lusitana. 

A personagem, uma representação de Sophia, revê fatos importantes de sua trajetória, como a resistência ao regime salazarista e a amizade que construiu com outros poetas importantes do universo lusófono, a exemplo de João Cabral de Melo Neto e Cecília Meirelles. O solo é protagonizado pela atriz Suia Legaspe e trata de questões relativas ao amor, ao processo criativo da protagonista, à beleza e ao sentido político da escrita.

“O Nome das Coisas” tem sessões às sextas, sábados, domingos e segundas, na sala Alberto Guzik.

Durante a temporada, em quatro domingos, logo após as apresentações, acontece o Ciclo de Debates Sophia e a Poética em Cena, dividido em quatro mesas temáticas:

07/07 – Num Mar de Sentidos: A poesia de Sophia no mundo contemporâneo – Com Paola Poma e Marici Salomão
14/07 – A Política da escrita e a escrita política: escrever sob o fascismo – Com Eloisa da Silva Aragão e Silvia Gomez
21/07 – A poesia na cena, a poesia em cena: apropriações e desafios – Com Micheliny Verunschk e Dione Carlos
28/07 – O Ator-Poeta – Com Vivian Steinberg Milano e Eliana Teruel

Ficha técnica:
Direção e dramaturgia: Henrique Zanoni | Intérprete: Suia Legaspe | Cenário e figurinos: Carlos Colabone | Iluminação: Aline Santini | Produção: Edinho Rodrigues (Brancalyone Produções) | Preparação Corporal e Fotografia: Beto Amorim | Caracterização: Beto França | Assessoria de imprensa: Pombo Correio | Realização: Cia dos Infames / Cia Dramática em Exercício | Apoio: Secretaria Municipal de Cultura

circle

Onde: Sala Alberto Guzik. Unidade Roosevelt (Praça Franklin Roosevelt, 210, Consolação)

Quando: Sex., sáb. e seg., às 21h; dom., às 19h. De 5 de Julho a 5 de Agosto

Quanto: R$20 (inteira) e R$10 (meia-entrada)

Duração: 60 minutos

Quantidade de lugares: 60 lugares

Classificação: 12 anos




 

O site da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco está sob licença Creative Commons. A cópia e a reprodução de seu conteúdo são autorizadas para uso não-comercial, desde que citado o devido crédito ao site, aos autores e fotógrafos. Não estão incluídas nessa licença obras de terceiros.

Para reprodução com outros fins, entre em contato com a Escola.

Assisdesign