Território Cultural movimenta sedes da SP Escola de Teatro neste sábado (10)

Publicado em: 08/11/2018

Neste sábado (10), a SP Escola de Teatro recebe o quinto Território Cultural de 2018. Gratuita e aberta ao público, a programação conta com apresentações de teatro, shows e performances na sede Brás e com as mesas de discussão do 2º Seminário de Iluminação Cênica Teatro da Vertigem na sede Roosevelt da Instituição.

Clique para aumentar

Na sede Brás, as atividades têm início às 11h com o Núcleo Omstrab. O grupo de dança contemporânea e música ao vivo apresenta “Encontros Improváveis”, resultado final de um projeto cênico que uniu diretores, coreógrafos, músicos, poetas, grafiteiros e videomakers com trajetória estabelecida em São Paulo.

No mesmo horário, na copa do térreo, acontece a jam coletiva “Bestiário”, iniciada a partir de um processo de investigação sonora. Ao meio-dia, o auditório da Escola recebe o sarau “Marginais Vermelhos (Armas Poéticas para Tempos de Guerra)”, que reúne poesia, imagem e som como um manifesto transcendente de nossas urgências.

Também às 12h, mas no solário, sete artistas apresentam “Relatos de Sempre para Nunca Mais”, em que contam vivências do ser mulher. A cena acontece a partir de questionamentos como “Das sementes ao topo da árvore, quanto tempo leva um corpo para se levantar?” e “Das águas do início ao sangue do final, quantas caíram e cairão?”

A performance sonora “Gengibre” fecha a primeira parte deste Território Cultural às 13h. O número traz pesquisas de síntese sonora digital, experimentos e improvisos com oscilador DIY e sons de objetos em cena.

Após o almoço, às 14h30, o evento é retomado com a leitura dramática de “Zoológico Humano”, texto que retrata a política de genocídio da população negra. A atividade acontece na sala B27. No solário, às 15h, é a vez de “Piscina (Sem Água)”, performance que questiona o ofício de ser artista.

Para encerrar as atividades da sede Brás, às 15h acontece a leitura encenada de “Fala das Profundezas”, que apresenta a dramaturgia do novo trabalho do Núcleo Negro de Pesquisa e Criação (NNPC) e busca compartilhar o processo de desenvolvimento do texto com experimentações cênicas que deem perspectivas de sua montagem teatral.

Seminário de Iluminação Cênica
Também no sábado (10), a sede Roosevelt recebe a segunda edição do seminário organizado pelo Teatro da Vertigem em parceria com a SP Escola de Teatro. As atividades do dia são mesas de discussão com profissionais do Brasil e de outros países sobre a formação profissional voltada à iluminação. A programação completa está disponível aqui.




Relacionadas:

Notícias | 14/ 11/ 2018

Teatro e negritude: 20 livros que você precisa ler

SAIBA MAIS

Notícias | 09/ 11/ 2018

Instituto Mais divulga locais e horários do Primeiro Momento do Processo Seletivo 1/2019

SAIBA MAIS

Notícias | 09/ 11/ 2018

Em ‘Jogos na Hora da Sesta’, brincadeiras de criança revelam violência e opressão

SAIBA MAIS

O site da SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco está sob licença Creative Commons. A cópia e a reprodução de seu conteúdo são autorizadas para uso não-comercial, desde que citado o devido crédito ao site, aos autores e fotógrafos. Não estão incluídas nessa licença obras de terceiros.

Para reprodução com outros fins, entre em contato com a Escola.

Assisdesign